(Reprodução Facebook da Câmara)

A 33ª sessão ordinária da Câmara Municipal de São Mateus do Sul ocorreu na última terça-feira, dia 5 de outubro, e teve a aprovação da ata da sessão anterior e, em seguida, a leitura das correspondências. Foi apresentado à Câmara um convite para as comemorações dos 39 anos da Associação Comercial Industrial e Agropecuária de São Mateus do Sul (ACIASMS) no dia 8 de outubro.

Projetos de Lei

PL 36/21, que autoriza o Poder Executivo a contratar operações de crédito com Agência de Fomento Paraná de R$ 3.860.000,00 para aquisição de três caminhões, projetos de infraestrutura da área do parque industrial e incubadora industrial. Aprovado por unanimidade em primeira votação.

Discussão: ver. Jackson Machado solicitou para a próxima votação a apresentação do relatório de impacto financeiro do projeto.

PLL 36/21, dispõe sobre a instituição da Semana de Conscientização sobre Mudanças Climáticas e dá outras providências. Proposta do ver. Enéas Melnisk, aprovada por unanimidade em 1ª votação.

Discussão: ver. Enéas Melnisk comentou sobre as mudanças que estão ocorrendo no mundo, dando exemplo dos casos de nuvens de poeira em São Paulo e Mato Grosso do Sul, com grandes perdas econômicas e também com a perda da vida de 4 bombeiros. Disse que, quando jovem, ouvia falar em mudanças climáticas no futuro e hoje está acontecendo. Que o Paraná e São Paulo dependem da umidade vinda da Amazônia, e a estiagem atual é resultado das queimadas ocorridas lá. Que é necessário a conscientização das pessoas para os cuidados com o clima, não apenas jovens, mas adultos também.

PLL 37/21, dispõe sobre as situações que envolvam violências obstétricas no Município de São Mateus do Sul e dá outras providências. Proposta do ver. Enéas Melnisk, aprovada por unanimidade em 1ª votação.

Discussão: ver. Enéas comentou sobre a aprovação recente sobre os partos humanizados e outras conquistas, como as doulas. Que na humanização do parto, o acompanhante seja permitido no hospital. Comentou que a violência obstétrica ocorre no tratamento de forma agressiva, de maneira antipática e grosseira, zombeteira e de forma irônica, e quando não respondem a questionamento ou dúvidas das grávidas.

PLL 39/21, dispõe sobre a Política Municipal de Transparência em Obras Públicas e dá outras providências. Proposta do ver. Enéas Melnisk, aprovada por unanimidade em 1ª votação.

Indicações

Ocorreram diversas indicações dos vereadores solicitando a manutenção de estradas em diversas localidades do interior do município. Entre outros destaques, foram realizadas as seguintes solicitações:

Ind. 444/21, solicita passagens elevadas em frente ao Colégio Duque de Caxias, que antes tinha lombadas e, após o asfalto, ficou sem os redutores de velocidade. Proposta dos vereadores Irineu Macuco, Osvaldo Kotrich e Omar Picheth. Aprovada por unanimidade.

Ind. 446/21, solicita iluminação em trecho de rua de 800m junto ao Parque de Exposições, na Colônia Taquaral. Proposta dos vereadores Irineu Macuco, Osvaldo Kotrich e Omar Picheth. Aprovada por unanimidade.

Ind. 464/21, solicita calçamento em frente ao Cmei das Tamareiras. Proposta dos vereadores Irineu Macuco, Osvaldo Kotrich, Omar Picheth e Enéas Melnisk. Aprovado por unanimidade.

Ind. 465/21, solicita iluminação em trecho da BR-476, a partir da Rua David Felipe de Meira até a Polícia Rodoviária Federal. Proposta dos vereadores Irineu Macuco, Osvaldo Kotrich, Omar Picheth e Enéas Melnisk. Aprovada por unanimidade.

Ind. 469/21, solicita estudo para aquisição de terreno para o condomínio do idoso. Proposta dos vereadores Irineu Macuco, Osvaldo Kotrich, Omar Picheth e Enéas Melnisk. Aprovada por unanimidade.

Ind. 471/21, solicita construção de banheiros infantis na Escola do Campo João Batista Distéfano, na comunidade da Divisa. Proposta do ver. Valter Przywitowski. Aprovada por unanimidade.

Ind. 472/21, solicita a substituição da caixa d’água do cemitério da Divisa, por outra com maior capacidade. Proposta do ver. Valter Przywitowski. Aprovada por unanimidade.

Uso da Tribuna

Valter Przywitowski: Comentou sobre visita acompanhada da prefeita Fernanda Sardanha e secretário de Meio Ambiente Tiago Huk na sexta-feira, dia 1º de outubro, ao Instituto Água e Terra, sobre a construção da ponte sobre o rio em Porto Ribeiro. Também sobre a extensão do prazo para a construção do barracão da Cosamar. Na Funasa, sobre a canalização da distribuição de água nas comunidades do Pontilhão e Lajeadinho, da ordem de R$ 3,2 milhões.

Enéas Melnisk: Iniciou comentando sobre a aprovação feita pelo governador Ratinho Jr, sobre o homeschooling votado na Assembleia legislativa, do ensino em casa, deixando claro que não é obrigatório e sim facultativo. Também exemplificou que nos Estados Unidos cerca de 10% dos alunos aprendem nesse sistema.

Comentou também que o dia 4 de outubro foi o Dia do Agente Comunitário de Saúde e falou da importância deste profissional, dos ganhos desses profissionais, da tentativa de motorização para melhor desempenho da função, e lembrou do avanço da vacinação em nossa cidade pela devida atuação desses profissionais.

Lembrou dos 4 anos da morte da professora Elen de Abreu Silva Batista que foi assassinada salvando seus 28 alunos, na sua creche em Janaúba, Minas Gerais. Uma heroína de verdade.

Comentou sobre a fala do deputado Soldado Fruet na Assembleia, questionando o lucro da Copel, que teve em 2020 lucro de R$ 4 bilhões, sendo que 65% foi para os acionistas. Disse ser a favor de bons salários para os servidores, mas não altos ganhos de acionistas de fora do país. A população não aguenta mais pagar caro para comprar as coisas necessárias. É preciso repensar sobre os lucros das empresas estatais para benefício da população.

Explicações Pessoais

Jorge Manfroni: Parabenizou a Casa Familiar Rural pela mostra de cursos que realizou, parabenizando os professores Felipe Chico, professor Osvaldo e professora Clemira pela recepção. Também comentou que em 2022 terá o curso Técnico Agrícola.

Irineu Macuco: Comentou sobre a volta do transporte escolar plenamente, para toda a rede escolar.

Osvaldo Kotrich: Fez agradecimento a Secretaria de Obras por obras realizadas na comunidade de Anta Ruiva e no Rio das Pedras que foram solicitadas.

Omar Picheth: Comentou sobre o contato auxiliado pela assessoria do deputado Alexandre Curi, com a Cohapar, para tratar sobre o condomínio do idoso e as tratativas que o município necessita para adquirir e conceder para a Cohapar conquistar essa obra, sendo que o prazo está se esgotando. Lembrando que é difícil conseguir essas obras e não se pode perder por prazos.

Agradeceu a aprovação do empréstimo para aquisição de caminhões e outras obras. Também falou da emenda do deputado Luciano Ducci que destinou um caminhão trucado de R$ 520 mil para nossa cidade.

Complementou sobre a fala do vereador Enéas Melnisk, sobre os lucros da Copel, onde o trabalhador com enxada produz alimento, onde o país produz plataformas, fabrica aviões na Embraer com encomendas milionárias. Agora com energia e água, é necessário levar esses serviços a população e gostaria de ver se a Copel fosse privatizada, se ela levaria cabeamento de energia para consumidor de 100 kW, pagando R$ 100,00. Comentou que a empresa está dando lucro para quem trabalha no computador com ações e guarda dinheiro nos paraísos fiscais. Que o ganho e o lucro dessas empresas ao invés da conta de energia alta com dividendos para acionistas, deveria reduzir a conta para quem precisa.

Hugo Lopes Júnior
Últimos posts por Hugo Lopes Júnior (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Audiência Pública virtual apresenta custos e recursos para próximo ano
Cida Borghetti, Osmar Dias e Ratinho Junior oficializam candidatura para o governo do Paraná
29ª Sessão da Câmara do dia 31 de agosto