Odontologia e Saúde Bucal - Valéria Kruchelski Huk

A equipe odontológica: Técnico em Saúde Bucal (TSB)

Imagem Ilustrativa

Imagem Ilustrativa

Caros leitores, espero que estejam gostando dessa série de artigos que abordam a equipe odontológica. Hoje você vai conhecer um pouco mais sobre a profissão do Técnico em Saúde Bucal (TSB). O TSB apresenta fundamental importância na rotina da odontologia, uma vez que a sua atividade está relacionada com atividades que promovem saúde e orientam a população a respeito da saúde bucal.

A profissão de Técnico em Saúde Bucal (TSB) está regulamentada pela Lei nº11.889, de 24 de dezembro de 2008, mesma lei que regulamenta a profissão da ASB – que conhecemos um pouco mais na semana passada.

Quais são as principais atividades que o Técnico de Saúde Bucal (TSB) pode realizar?
Inicialmente devemos saber que todas as atividades desenvolvidas por esse profissional devem ser supervisionadas e/ou orientadas pelo dentista responsável. O Técnico em Saúde Bucal participa do treinamento e capacitação do Auxiliar de Saúde Bucal (ASB), participa de ações educativas e de promoção de saúde bucal, realiza levantamentos epidemiológicos, ensina técnicas de escovação, faz limpeza e aplicação tópica de flúor, realiza fotografias e radiografias, remove as suturas (os pontos cirúrgicos), entre outras.

Quais atividades o Técnico em Saúde Bucal (TSB) não poderá realizar?
Esse profissional não poderá trabalhar de forma autônoma. Além disso, o profissional não pode realizar nenhuma atividade sem a devida supervisão e/ou orientação do dentista responsável. Também não pode fazer propaganda dos seus serviços ou realizar procedimentos que não estejam assegurados por lei.

Aonde o auxiliar de Saúde Bucal (TSB) pode trabalhar?
O principal local de trabalho desses profissionais é a saúde pública, ou seja, o trabalho nas unidades de saúde das prefeituras municipais. Atualmente existem inúmeros concursos públicos contratando esses profissionais para jornadas de trabalho que podem varias de 20h/semanais à 40h/semanais. No entanto, o mercado de trabalho não se limita ao serviço público. Muitos consultórios particulares e clínicas odontológicas contratam esses profissionais.

Essa profissão tem um contato direto com a população em geral e com os pacientes, devido a isso, o profissional precisa ser extrovertido e gostar de trabalhar com a população isso porque seu trabalho consiste em ensinar a população sobre saúde bucal, como realizar um adequada escovação, etc. Além disso, precisa gostar da área odontológica.

Gostou dessa profissão? Tem interesse em procurar um curso Técnico em Saúde Bucal?
O curso tem duração de aproximadamente dois anos à dois anos e meio, e tem por objetivo capacitar o profissional através de aulas teóricas, práticas e estágios. Inúmeras instituições são capacitadas para formar esses profissionais, entre essas instituições temos: Senac, Escolas Técnicas e Universidades.

Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho mais sobre a profissão do Técnico em Saúde Bucal. Ele está presente do dia-a-dia das Unidades de Saúde e de alguns consultórios da nossa cidade. É devido às atividades deles e através de suas orientações que aprendemos sobre saúde bucal. Valorize esse profissional! Fique atento as suas orientações e respeite seu trabalho, ele tem uma ótima formação e trabalha com muito carinho.

Atenção: A Escola Técnica DAMA, na cidade de Canoinhas-SC, está com as matrículas abertas para esse curso!

Até a próxima coluna! E não esqueça de colocar um sorriso no rosto!

Últimos posts por Valéria Kruchelski Huk (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Conhecendo a misteriosa Língua Geográfica
Cárie: entenda um pouco mais!
O perigo mora a um click de distância