Jornal de São Mateus do Sul (PR) e região

A história dos tradicionais lanches do Luisinho

A equipe da Gazeta Informativa conversou com Luis Carlos Britto da Silva, que contou como iniciou sua lanchonete no município. (Foto: Cláudia Burdzinski/Gazeta Informativa)

“O sanduíche é desse tamanho mesmo?”; “a maionese é uma das melhores partes”; “duas horas para ficar pronto um X-Salada?”; “Eu não consigo comer um inteiro, vou levar o resto para casa”… Esses e outros comentários traduzem uma das mais tradicionais lanchonetes de São Mateus do Sul. Atraindo o público não apenas pelo paladar mas também pelo atendimento, o icônico “X-Salada do Luisinho” já faz parte da história de São Mateus do Sul.

Agora você conhecerá como começou a carreira profissional de Luis Carlos Britto da Silva – mais conhecido como Luisinho – que é o responsável pelo sabor e criação de um dos lanches mais pedidos da cidade. Nascido e criado em São Mateus do Sul, sua infância foi marcada pelos mergulhos no Rio Iguaçu e na observação dos aviões que aterrissavam nos longos campos próximo à antiga Fazenda Maria Isabel. Trabalhando desde muito cedo ajudando no sustento da família, Luisinho comenta que uma das principais incentivadoras de sua vida foi a sua mãe, Antônia Britto da Silva, que lhe inspirou na hora do preparo das famosas receitas. “Minha mãe era cozinheira, então desde pequeno eu estava envolvido no ramo”, conta.

Mas esse amor pela culinária levou alguns anos para se solidificar em sua vida. Luisinho conta que anteriormente já trabalhou como garçom, engraxate, entregador de leite, frentista, servente de pedreiro e demais atividades antes da atual carreira. “Com 8 anos de idade eu já ajudava a minha mãe”, afirma. Luisinho lembra que a cidade era muito diferente durante sua infância. “A BR passava onde hoje fica o Centro, e nas localidades da Vila Pinheirinho tinha muita plantação. Eu ia até lá para pegar o leite das vacas para fazer algumas entregas”, relembra. A forma digna com que prestava serviço foi construindo uma linha de amizades dentro do município, que fortaleceram o seu renome no mercado de trabalho.

Luisinho iniciou na preparação de lanches aos 14 anos de idade, trabalhando logo de início na cozinha. Um dos seus primeiros contatos foi na Lanchonete Ponto Azul, antes localizada na Avenida Ozy Mendonça de Lima. Ele comenta que mesmo novo, a influência de sua mãe cozinheira ajudou e muito nesse processo de adaptação. “Eu sabia como e o que tinha que fazer. Em 1989 resolvi montar o meu próprio negócio”, diz. Sua primeira lanchonete se chamou Star Lanches e ficava localizada na Rua Evaldo Gaensly.

Conquistando a clientela pelo cheirinho e pelos tradicionais sanduíches, aos poucos Luisinho foi crescendo nesse ramo. A Star Lanches ficou 14 anos no mesmo local. Após uma licitação na Prefeitura Municipal, o são-mateuense conseguiu a liberação para sua atual localização, às margens do Rio Iguaçu. “Já fazem 16 anos que estou aqui e faço questão de continuar com a mesma receita de sempre.”

Acompanhado de bons temperos, Luisinho admite que uma das coisas que mais chamam a atenção é o sabor da maionese que os clientes sempre pedem para levar para casa. “Eu até passo a receita, mas o modo de preparo é um segredo meu”, afirma. Questionado a respeito das brincadeiras que rolam entre as pessoas sobre o sanduíche demorar “duas horas” para ficar pronto, Luisinho fala de maneira irreverente: “Até eu entro na brincadeira. Sempre que ligam perguntando quanto tempo o lanche vai demorar para ficar pronto, eu falo duas horas”, diz. Mas ele explica que mesmo com o movimento grande dos fins de semana, o sanduíche não demora mais que 50 minutos para ficar pronto. “Vendo uma média de 4,5 mil lanches por mês.”

Todo esforço no trabalho ajudou na formação acadêmica do primeiro filho e está acontecendo da mesma forma com o segundo filho. “Hoje posso dizer que com o meu trabalho consegui adquirir todos os meus bens”, garante. Histórias de lá, sabores de cá, Luisinho conta que muitos viajantes passam até a Lanchonete para levar para casa seus lanches. “O que mais sai é o X-Salada e o X-Bacon. Já veio gente até de Belo Horizonte comprar os lanches que faço”, diz.

E você que está lendo essa matéria, também sentiu vontade de experimentar os lanches preparados por Luisinho? O preço é justo e o sabor é melhor ainda! O Lanches Luisinho está localizado na Rua Barão do Rio Branco, na Praça do Iguaçu. Horários de funcionamento: de terça à domingo, das 14h às 23h. Contato no telefone: (42) 3532-5094.

Luisinho encerra a entrevista afirmando sua afetividade com o município juntamente com o apoio de todos os seus clientes. “Posso dizer que cresci junto com São Mateus do Sul”, e ressalta que planeja ficar muitos anos trabalhando no preparo dos tradicionais lanches.

CHARGE: 

Cláudia Burdzinski

Cláudia Burdzinski

Estudante de Jornalismo que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br
Cláudia Burdzinski
Compartilhe esta reportagem...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this page


Comentários: