O casebre constituído de lona tem sido a moradia de uma batalhadora família, que reside no município de São Mateus do Sul. (Foto: Juliano Mazepa)

O inverno já é uma realidade, e com ele, o frio extremo da capital do xisto e da erva-mate também se materializa. A queda drástica na temperatura já começou a ser observada nesta última semana. Além disso, a natureza tem fertilizado o mês de julho com ricas chuvas, muito importantes para a manutenção da vida, após um longo período de estiagem. O conforto dos nossos lares parece a melhor opção para enfrentar tudo isso, o que é ampliado pela necessidade do isolamento social, oriundo da pandemia do Covid-19. A redação da Gazeta Informativa soma forças na divulgação de uma nobre causa, cujo objetivo é a construção de um lar para uma família de trabalhadores residentes em nosso município.

Uma história de superação

O Seu José Luís tem uma história de muita luta. Viúvo, veio para São Mateus do Sul acompanhado de seus dois filhos. O objetivo era uma tentativa de vida mais próspera em nossa cidade, que tradicionalmente é bastante receptiva. Seu José Luís exerce a profissão de pedreiro, cuja demanda de trabalho diminuiu consideravelmente durante o período de pandemia do Covid-19.

Hoje ele vive com a companheira Adriana, seu enteado e os dois filhos. Através de muita garra, eles conseguiram adquirir um pedaço de terra, há mais de 3 meses. Infelizmente, a família de trabalhadores e crianças ainda não conseguiu fundos para levantar uma moradia, estando todo esse período residindo em um pequeno casebre. Pessoas bastante honestas e trabalhadoras, muito merecedoras da ajuda de toda a sociedade são-mateuense. A comunicação também exerce um papel libertador e humanitário. Estamos aqui contando a história do Seu José Luís e sua família, a fim de realizar esse chamado à boa-vontade de nossa querida comunidade!

Como ajudar?

Tendo em vista a urgência da situação e a necessidade de tornar a vida de uma família muito mais digna, um conjunto de voluntários se dispôs a colaborar com a causa. O grupo Anjos de Plantão em parceria com o voluntariado proativo da Igreja Assembleia de Deus está capitaneando um apaixonante projeto: levantar uma casa para o Seu José Luís e sua família.

A ideia é construir a casa, dentro do prazo máximo de 2 meses. Enquanto isso, o grupo planeja levantar fundos para um aluguel solidário, tirando a família desta situação delicada. De acordo com informações o assunto já foi repassado também ao CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e seria encaminhado ao setor de Habitação.

Serviço

A família do Seu José Luís ainda está precisando de algumas doações de tijolos para o banheiro, cimento, areia, pedra e tábuas. Alguns itens já foram arrecadados e o pessoal envolvido segue trabalhando forte para atingir o objeto, o mais rápido possível. Doações de roupa e alimento também podem ser realizadas. Quem desejar colaborar com essa nobre atitude, pode entrar em contato através dos seguintes telefones, que também funcionam com serviço de WhattsApp: (42) 98405 – 7425 ou (42) 99869 – 7660.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
A história do Nhô João da Terra Vermelha
São-mateuense monta tradicional presépio há 60 anos
Menção Honrosa é entregue para policial que salvou bebê em São Mateus do Sul