Reencontro do coral que aconteceu na capela da Lagoa da Cruz, que pertence ao município de Antonio Olinto. (Fotos: Acervo Pessoal e Thaís Siqueira/Gazeta Informativa)

Lembranças e muita emoção marcaram o último domingo (8), na comunidade da Lagoa da Cruz, em Antonio Olinto. O grupo do coral “Jovens em busca de Deus” se reencontrou após 40 anos em uma celebração ensaiada e festejada por 20 cantores da formação original do grupo.

Fundado em 1973, o coral ficou em atividade até meados de 1981 em que, por conta do cotidiano de cada um dos participantes, precisou encerrar o trabalho. Jussara Maria de Siqueira Kasprzak foi a fundadora do grupo e conta que o principal motivo da criação do coral foi para unir ainda mais os jovens no amor de Deus. “Na época também não tínhamos muitas atividades de lazer, e o coral passou a se tornar um ponto de encontro entre todos os jovens da comunidade”, diz.

Apresentação de Dia das Mães preparada pelo coral “Jovens em busca de Deus” na década de 70.

A ajuda dos irmãos, primos e vizinhos fez com que o grupo crescesse nas apresentações que eram realizadas na capela da comunidade. “Nós fazíamos reuniões para ensaiar e decidir quais seriam os cantos da celebração”, relembra. O grupo de jovens ficou conhecido em toda a região e era convidado para participar de celebrações e festividades em outras capelas do município de Antonio Olinto. “Era bonito de ver. Em toda missa as pessoas saíam chorando pois ficavam emocionadas com a liturgia e os cantos preparados por nós”, conta Jacira Maria Siqueira Pinto, que também fazia parte do grupo.

Além das canções nas missas e cultos de sábado e domingo, o coral ficou conhecido pelo preparo das celebrações festivas de Dia dos Pais e Dia das Mães, no qual eles se preparavam com cartazes temáticos, homenagens, discos de vinil e vestes feitas para a celebração. “O grupo era formado por uma média de 30 pessoas, algumas também dedicavam o trabalho para tocar os instrumentos musicais como violão e órgão”, afirma a coordenadora.

O reencontro

Após décadas da criação do grupo, em uma dessas conversas de fim de semana com os antigos companheiros de coral, Jussara decide reanimar os amigos para um reencontro. “Nisso criei um grupo no WhatsApp e fui adicionando os que eu ainda mantinha contato. Dessa forma um foi adicionando o outro e surgiu a ideia do reencontro”, conta. Cantores que foram embora para São Mateus do Sul, Arroio da Cruz, Curitiba, São Paulo, Registro e até dos Estados Unidos apoiaram a iniciativa e vieram para a celebração realizada no último domingo.

Virou até música…

Com a animação para o reencontro do grupo, o músico Jorge Prado, que também fazia parte do coral, compôs uma música para marcar esse momento festivo. Uma das estrofes da canção destaca:

“Linda iniciativa de reunir os jovens do passado,
Pois aqui estamos para deixar isso bem lembrado.
Muitos já quarentões, cinquentões e outros mais,
Por isso aqui estamos para agradecer, a vida é mais!”

“Com esse reencontro me senti feliz e realizada”, afirma Jussara. A equipe agradece todo o apoio que recebeu da comunidade durante a apresentação e homenageia os ex-companheiros de coral que já faleceram: Frei Celestino Datti, Otília Martins, Araci Martins, Manoel Pedro Siqueira e Marcos Antonio Siqueira. “Foram importantes para o nosso grupo e estão comemorando esse momento junto com a gente.”

Cláudia Burdzinski

Cláudia Burdzinski

Estudante de Jornalismo que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br
Cláudia Burdzinski

Últimos posts por Cláudia Burdzinski (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Monsenhor Walter Jorge será ordenado bispo neste sábado
10º Ognisko marca a tradicionalidade polonesa nesse fim de semana
Vibração Jovem 2018 reúne mais de mil jovens em momento de evangelização em São Mateus do Sul

Deixe seu comentário

*