Região

BR-376 de Palmeira está bloqueada e congestionada após tentativa de assalto a carros-fortes

(Foto: Divulgação / PRF)

Os motoristas que seguem no sentido Ponta Grossa a Curitiba estão sendo orientados pela concessionária CCR Rodonorte a não continuar a viagem. Por conta da tentativa de assalto a cinco carros-fortes, na manhã desta terça-feira (6), a BR-376, em Palmeira, está interditada. A fila nos dois sentidos da rodovia passa de 15 quilômetros.

De acordo com a concessionária, a BR-376 apresenta dois pontos de bloqueio no sentido Ponta Grossa a Curitiba. Além do local do acidente, a rodovia também está bloqueada na praça de pedágio em Witmarsun.

A Rodonorte informou ainda que a orientação aos motoristas para não continuar com a viagem está sendo dada no pedágio de São Luiz do Purunã.

Entenda o caso

Bandidos bloquearam a BR-376 na região da Colônia Witmarsum, entre São Luiz do Purunã e Ponta Grossa, nos Campos Gerais, na manhã desta terça-feira (6), para assaltarem cinco carros-fortes que saíram de Curitiba. Os 15 marginais tentaram arrombar os veículos e trocaram tiros com os vigilantes, na altura do quilômetro 536. Seis pessoas foram baleadas no local, sendo dois criminosos e quatro inocentes (dois morreram, entre eles um vereador paranaense). Ainda, dois bandidos foram presos em flagrante, um deles com uma pistola Glock calibre 9 mm. Outros dois integrantes da quadrilha estão escondido em um matagal na beira da rodovia e até o momento não foram localizados.

O policial rodoviária federal Cavalli disse que a tentativa de assalto foi frustrada. “Os bandidos não conseguiram levar nada devido à ação dos vigilantes e da polícia. Foram cinco marginais baleados, três no local e dois em matagal. Um vereador do interior do estado morto no local e uma civil baleada em estado grave. São estas as informações de momento”, descreveu.

Vítimas da tentativa de assalto

O vereador de Barra do Jacaré, no norte do Paraná, Elton de Alexandre Aguiar Matta (PV), de 31 anos, é uma das vítimas fatais da tentativa de assalto a cinco carros-fortes na BR-376, perto da Colônia Witmarsum, em Palmeira, nos Campos Gerais do Paraná.

Um caminhoneiro também morreu no tiroteio com os criminosos na manhã desta terça-feira (6). Elton estava em um carro com outros dois vereadores do município, em viagem para Curitiba. Miguel Calixto (PSD) levou um tiro na cabeça e foi encaminhado em estado grave ao hospital de Ponta Grossa.

Já o vereador Edval do Nascimento (PR) não teve nenhum ferimento. Eles iam à Casa Civil do Paraná, à Superintendência de Desenvolvimento Educacional e à Secretaria de Agricultura e Abastecimento, em Curitiba. Segundo Edval, eles tentavam buscar mais recursos para a cidade.

O vereador Elton de Alexandre Aguiar Matta (PV) estava no segundo mandato como vereador em Barra do Jacaré.

“Nós estávamos atrás de um caminhão e o bandido correu na plantação de soja e o cara do carro-forte desceu e falou, ‘vem que eu vou atirar’, e ele acertou meu amigo. Daí eu achei que ia morrer e meu amigo também levou um tiro. Fui para cima dele tirar satisfação. Estavam despreparados”, disse o vereador sobrevivente.

Fonte: RDX , Banda B e Rádio Band News.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Verba de R$ 1,5 milhão é destinada a região de São Mateus do Sul
São Mateus do Sul registra maior número de acessos à internet do sudeste do Paraná
Morre Peterson Koslinski de Antonio Olinto