(Fotos: Hugo Lopes Júnior/Gazeta Informativa)

A Prefeitura Municipal de São Mateus do Sul está realizando estudos de levantamentos para a implantação de uma rede de câmeras de segurança em diversos pontos do município, que será integrado com a Polícia Civil e Militar, proporcionando maior segurança para nossa cidade.

Já existem algumas câmeras instaladas em funcionamento que cobrem alguns pontos centrais e, em breve, deverão haver outras protegendo diversos locais e prédios públicos, principalmente as escolas. Os levantamentos são para identificar problemas nas câmeras em funcionamento e que receberão uma manutenção preventiva.

As reuniões e estudos feitos pela Prefeitura visam chegar ao modelo mais vantajoso para o Poder Público, que pode ser a aquisição das câmeras ou a locação destas. Caso a opção seja a locação, o termo de manutenção estaria incluso, além da substituição de tempos em tempos por modelos mais modernos, num sistema de disponibilidade, em que todo o trabalho não será da equipe da prefeitura, sendo que a empresa contratada terá pessoal técnico, caminhão e equipamentos para manutenção, com atendimento em até 8 horas e volta operacional em até 24 horas.

Além dos pontos existentes, serão relacionados novos pontos, sendo estudada a quantidade de câmeras necessárias para cada local que será monitorado, como Praça do Rio Iguaçu, ginásio Polacão, Rua do Mathe, algumas ruas estratégicas, além de prédios públicos, como o da Prefeitura Municipal, rodoviária, escolas, entre outros.

Com o sistema de vigilância por câmeras, além de evitar assaltos, dar controle ao trânsito, possibilitará provas de delitos praticados e gravados nas imagens. O monitoramento de movimentações estranhas e a verificação de ocorrências, deverá dar mais segurança à cidade e possibilitar a solução de diversos delitos ou crimes que venham a ocorrer com mais agilidade.

Estudos apontam diversas vantagens pela adoção do sistema de monitoramento por câmeras ligadas às diversas tecnologias de software existentes e que possibilitam diversas funções, além do simples monitoramento de imagens ao vivo. Com aparelhos de alta definição existentes no mercado e com softwares de última geração é possível uma série de eventos dentro do sistema, com o reconhecimento facial de pessoas procuradas por determinados crimes, a recuperação de veículos furtados que tenham alertas de busca, reconhecimento de objetos perigosos, como armas, e monitoramento de atitudes suspeitas. As cidades que possuem sistema de monitoramento desse tipo tiveram uma grande redução nos índices de criminalidade, o que devolveu qualidade de vida à população e ao comércio em geral. A integração das polícias ao sistema também permite a otimização dos trabalhos desenvolvidos, fazendo com que as equipes atuem em locais onde não há o monitoramento e não pela cidade toda, tendo trabalhos desenvolvidos mais pontualmente e com maior eficiência.

Em determinadas cidades ainda existe a possibilidade de empresas e áreas externas de residências que monitorem a rua integrarem o sistema, ampliando ainda mais a área monitorada. São diversas as vantagens que recomendam os investimentos nesses sistemas, além de redução de gastos com segurança pessoal e com infraestruturas caras de segurança, que nem sempre inibem vandalismo ou furtos.

Hugo Lopes Júnior
Últimos posts por Hugo Lopes Júnior (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Recuperação da Rua Dona Estefânia inicia novamente na segunda (8)
Usina do Xisto: Petrobras atrasa o pagamento de R$ 1 bilhão de royalties a São Mateus do Sul, Paraná e União
Samas Bier 2019 já tem data marcada!