Cidade

Cavalgada reúne dezenas de cavaleiros em festa na capela da Rosa Mística

A cavalgada foi realizada na manhã de domingo (4), e contou com a participação de mais de 80 cavaleiros. (Foto: Thaís Siqueira/Gazeta Informativa)

Aconteceu no domingo (4), a festa para a continuidade da construção da capela Nossa Senhora da Rosa Mística, localizada na Vila Pinheirinho e pertencente a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. São-mateuenses e moradores de toda região prestigiaram o evento, que contou com a organização de uma cavalgada com mais de 80 cavaleiros para transmitir ainda mais a fé para o povo do município.

Cavaleiros e carroceiros saíram na manhã de domingo do Mercado Padilha, e seguiram trajeto pelas ruas Ulisses Faria e Casemiro Witkowski, chegando até a capela em construção. “O lucro da festa aumentou com o número de pessoas que participaram da cavalgada junto de sua família”, destaca Amauri Francisco Toporovicz.

Este tipo de cavalgada é coordenada há mais de 26 anos por Amauri, que começou com esta tradição com o intuito de trazer para perto da população a aproximação do povo com os proprietários rurais e suas culturas.

Iniciando este tipo de atividade na comunidade da Água Branca, Amauri através de contatos passou a reunir ainda mais cavaleiros e proprietários de carroças para transmitir a fé de um povo muito religioso em momentos festivos.

“Na época em que iniciamos estes trabalhos percebemos o apoio das pessoas envolvidas”, conta Amauri. O são-mateuense destaca que ele, em parceria com pessoas do município criaram a Braspol, grupo que busca unir o Brasil e a Polônia, com o objetivo do plantio de “3 sementinhas” no coração das pessoas: “unir as paróquias de nosso município; formar grupos de jovens (o Karolinka); e aproximar as pessoas do tropeirismo”, como ele mesmo explica.

O grupo contou com a colaboração de empresários são-mateuenses no decorrer da cavalgada. “Quero agradecer o pessoal do Mercado 70 que disponibilizou o carro de som para acompanhar o trajeto”, agradece a equipe organizadora.

Além de são-mateuenses, o grupo estende o convite para moradores de outras cidades vizinhas, que acompanham e também valorizam esse trabalho de divulgação cultural. Se você possui interesse em reunir o grupo de cavalgada em alguma festividade ou participar do mesmo, entre em contato com o Amauri no telefone, (42) 98843-4631, e saiba como fazer parte dessa equipe que tende a crescer cada vez mais em São Mateus do Sul e região.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Colabore com a castração de cães de rua!
4ª Feira da Lua Cheia acontece nessa terça (19)
Cidadãos questionam descarte de resíduo e SIX atesta normalidade