Espaço do Leitor

Chega de enrolação, queremos a inauguração!

(Divulgação)

Depois de mais de meio século de lutas e expectativas para a pavimentação asfáltica da PR-364, trecho São Mateus do Sul a Irati recebemos, não sem surpresa, a notícia do lançamento do Edital de Licitação para esta tão necessária e polêmica obra.

As lutas empreendidas incluem mobilizações e protestos, com fechamento da estrada por diversas vezes, intensa corrida aos prefeitos das duas cidades e aos governadores do Estado, e mobilização através do Facebook com a criação da página “Asfalto Já-Irati-São Mateus do Sul PR-364”, dentre outras formas de debate sobre a importância deste empreendimento.

As necessidades do asfaltamento são por conta dos ganhos Sociais e Econômicos para toda a Região com a criação de Novo Anel Rodoviário facilitando o deslocamento do Rio Grande do Sul e Santa Catarina pelo Sistema Viário Foz do Iguaçu, São Paulo, Curitiba e Porto de Paranaguá; redução de distâncias e custos de manutenção de veículos, melhoria de tráfego, segurança de motoristas e pedestres, facilidade de escoamento da produção agrícola e industrial, fim do isolamento social de quem precisa da estrada para buscar recursos (Saúde, Educação) e geração de emprego e renda, etc.

As polêmicas são pelas razões de que há muito tempo nos vem sendo prometido esta pavimentação e quando há movimento no sentido de sua realização a população já adquiriu a certeza de que tem sido pelo viés puramente eleitoreiro, sendo promessas para não serem cumpridas, mas unicamente para angariar votos. Muitos políticos, em diversas esferas, se elegeram “garantindo” esta obra.

Integrando-se às lutas do “povo da Estrada”, o Sindipetro Paraná e Santa Catarina idealizou e em parcerias realizou as Audiências Públicas em São Mateus do Sul e Irati nas datas de 04/12/2013 e 09/05/2014, respectivamente.

Depois das audiências acelerou-se o processo com a realização do projeto e a sinalização de financiamentos. Os financiamentos não se consolidaram e o sentimento de desconfiança quanto à efetivação da pavimentação se ampliou no imaginário das comunidades envolvidas.

Entretanto, na página da Secretaria de Infraestrutura e Logística do Paraná há informação publicada no dia 22/09/2017 sobre situação do empréstimo com o BID. Na Audiências Pública realizadas em São Mateus do Sul e Irati no dia 04 de maio de 2017, estimou-se em setembro daquele ano a data de assinatura do contrato, sendo que no site do BID-Banco Interamericano de Desenvolvimento consta que o projeto para operação de empréstimo foi aprovado no dia 21/09/2017, nos fazendo acreditar que, embora com absurda demora, “agora sai”.

O lançamento do Edital de Licitação é etapa importante no processo, porém não conclusiva. Embora seja o diferencial, visto que nas situações anteriores nunca se chegou ao Edital, que por si só não é garantia do asfaltamento. Há que se ir adiante, concluindo todas as fases!

Não vemos necessidade da pirotecnia para o lançamento do mesmo, vendo aqui mais outro palanque eleitoral, mas QUERENDO APOSTAR que por não desconhecerem da nossa indignação e desconfiança com estes movimentos e porque o BID é Instituição séria e que não se envolveria em enganações e sustentará a obra até o fim, o Sindipetro Paraná e Santa Catarina “PAGA PRA VER” esta obra.

E como dizem os moradores: só vamos acreditar E QUEREMOS ACREDITAR, quando estivermos andando pelo asfalto!

Rui Rossetim – Sindipetro Paraná e Santa Catarina

Redação do jornal Gazeta Informativa

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
O resgate de Jorge Amado em São Mateus do Sul
Ler abre os olhos
Cada um nasce do seu jeito

Os comentários estão fechados