Educação e Cultura Região

Colégio Estadual do Campo Duque de Caxias de Antonio Olinto recebe verba destinada ao projeto Escola 1000

O evento de entrega aconteceu na quarta-feira (7) e reuniu autoridades e comunidade que prestigiaram a assinatura do contrato de verba destinada ao Colégio. (Foto: Adriano Dubiel)

Aconteceu na última quarta-feira (7), nas dependências do Colégio Estadual do Campo Duque de Caxias em Antonio Olinto, o evento para assinatura do contrato da ordem de serviço de início das obras de reparos e melhorias do Programa Escola 1000.

Estiveram presentes no evento autoridades estaduais, municipais e a comunidade local, destacando a presença de Ricardo José Brugnago, chefe do Núcleo Regional de Educação (NRE) de União da Vitória; o prefeito municipal de Antonio Olinto Fabio Staniszewski Machiavelli; Telma Staniszewski representando o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni; o diretor do Colégio Estadual do Campo Duque de Caxias, Anderson dos Santos e a diretora auxiliar, Roberta de Almeida da Silva; secretária municipal de educação, Joelse Mayer; a fundadora e primeira diretora do Colégio Sebastiana Cordeiro da Silva Dubiel, convidada especial do NRE União da Vitória, além de diretores e representantes de empresas locais e regionais.

O Programa Escola 1000 foi idealizado pelo secretário chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni e pela secretária, Ana Seres, contando com a execução do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (FUNDEPAR) e a coordenação do presidente Sérgio Brun, tendo a finalidade de manter os estabelecimentos de ensino em perfeitas condições de uso. Tal iniciativa possibilitará que 30% dos colégios estaduais do Paraná tenham a oportunidade de realizar diversas melhorias na sua estrutura física, para que um número maior de estudantes e professores tenham melhores condições de estrutura e conforto no dia a dia escolar.

O diretor do colégio, Anderson Alves, deu as boas-vindas e agradeceu os presentes e mencionou os eventos que ocorrerão em comemoração ao aniversário de 50 anos do Colégio, comentou que ficou emocionado ao ler os comentários dos ex-alunos do colégio que foram postados no grupo Memórias de Antonio Olinto, momento em que percebeu como essa instituição marcou e provocou mudanças na vida de inúmeras pessoas do município. Ele também citou e fez agradecimentos a equipe do jornal Gazeta Informativa pela matéria de destaque referente ao colégio e sua história.

Em seu discurso, Anderson destacou a importância desse dinheiro para as melhorias na estrutura do colégio, que há muitos anos se fazia necessária. “Este valor será destinado para troca da parte elétrica superior; a troca dos pisos de todas as salas de aulas, que atualmente são de tacos de madeiras sendo a maioria desde que o prédio foi construído em 1966 e também para a revitalização de todas as calçadas do prédio antigo e a substituição de todas as grades antigas das caneletas fluviais que serão trocadas”, diz.

A previsão do início das obras é para o dia 14 de fevereiro, tendo noventa dias de prazo máximo para a finalização das obras a partir desta data. Representando o NRE de União da Vitória, Ricardo fez referência da importância que o Colégio Estadual do Campo Duque de Caxias possui para o desenvolvimento do município, e parabenizou o colégio pelos seus 50 anos de fundação, homenageando a fundadora e primeira diretora do colégio, a professora Sebastiana.

Nesse evento, o Ricardo, anunciou, que em parceria com o deputado Alexandre Cury, o NRE estará liberando em 2018 um recurso no valor de 8 mil reais para que o colégio compre equipamentos para a melhoria do ensino, como projetores, computadores e o que mais for considerado necessário e importante para melhorar ainda mais a qualidade do ensino dos alunos.

Ao encerrar a sua fala, Ricardo destacou que dos 2.100 colégios estaduais, 700 foram contemplados pelo Programa Escola 1000. Em entrevista ao jornal Gazeta Informativa, Ricardo explicou que o Colégio do Campo Duque de Caxias foi um dos últimos a receber a autorização devido a critérios técnicos e de logística, uma vez que a sede regional do Paraná Edificações, fica distante do município e também devido a necessidade mais urgente que outros colégios do NRE de União da Vitória tinham na realização de suas obras. Ricardo também parabenizou a Gazeta Informativa, pela reportagem de destaque sobre a história dos 50 anos do Colégio do Campo Duque de Caxias, disse que ficou emocionado com a história de vida da professora fundadora porque é similar a história vivida pelo seu pai, Jair Brugnago, que também foi professor, diretor e depois chefe do NRE de União da Vitória.

O prefeito Fabio esteve presente prestigiando o evento, em seu discurso parabenizou o professor Anderson pelo seu trabalho frente a direção, o qual em pouco tempo já percebeu mudanças significativas na estrutura do colégio. Para o prefeito, “somente os tolos não investem em educação, e quando há ações e visão em torno de investir no futuro, a primeira coisa que vem na cabeça é investir na educação”.

A diretora auxiliar e representante do Conselho Escolar, Roberta de Almeida, destaca que, “o Programa Escola 100 será um marco para o Colégio, devido ao alto valor disponibilizado. É importante destacar que esse valor será investido em melhorias que a comunidade escolar elencou como prioritárias e que tudo isso demonstra o compromisso com a educação e com a gestão democrática”. Após os discursos os representantes foram convocados para assinarem o contrato da prestação de serviços e início das obras no colégio.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Professora que leciona em São Mateus do Sul tem seu TCC publicado em livro
SEMEC divulga cronograma para matrículas nos CMEI’s
Colégio Duque de Caxias realiza IV Seminário Socioambiental