Jornal de São Mateus do Sul (PR) e região

Com casos de confirmação de Influenza, São Mateus do Sul vence a meta e vacina mais de 90% da população prioritária

Na segunda-feira (25), a vacina foi liberada para os grupos que não se enquadravam no público de risco. (Fotos: Cláudia Burdzinski/Gazeta Informativa)

Iniciando no dia 23 de abril, a 20º Campanha de Vacinação foi finalizada no dia 22 de junho em São Mateus do Sul, com resultados positivos para os grupos prioritários da vacina.

Crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores de saúde, professores, detentos, pessoas com 60 anos ou mais e pessoas portadoras de algumas doenças crônicas estavam entre o público de risco.

A Gazeta Informativa entrou em contato com a equipe de Vigilância Epidemiológica de São Mateus do Sul, que apresentou os números obtidos durante a Campanha.

Segundo a Enfermeira responsável pelo setor, Vanessa Santos Andrade Hancz, mais de 98% da população idosa foi vacinada, assegurando dessa forma a imunidade para a Influenza. De modo geral, o município apresentou uma média de 95% do total de vacinação.

“Tivemos duas prorrogações para a data de finalização da Campanha por conta das metas que precisavam ser atingidas. O único público que não superou nosso objetivo foram as crianças. Vacinamos 84% das mais de 2,5 mil”, explica Vanessa.

A enfermeira comenta que as metas precisariam ser acima de 90% para todos os públicos de risco. “Perante o estado, São Mateus do Sul fez uma cobertura boa de modo geral”, diz.

A vacina contra a gripe é segura e é a intervenção mais importante para evitar casos graves e mortes pela doença. A vacina trivalente protege contra três cepas do vírus Influenza. Para 2018, a Organização Mundial da Saúde definiu a composição da vacina com duas cepas de Influenza A (H1N1 e H3N2) e uma linhagem de influenza B.

De acordo com o Informe Epidemiológico da Secretaria do Estado de Saúde, com nota divulgada no dia 18 de junho, São Mateus do Sul apresentava a confirmação de 4 casos de Influenza, sendo que um deles veio a óbito. Até o fechamento dessa edição, o município apresentava 5 casos suspeitos.

Na segunda-feira (25), o Centro de Vacinas liberou a vacinação para o público que não se enquadrava no quadro de risco, disponibilizando em torno de mil doses. No primeiro dia de liberação, cerca de 500 pessoas foram vacinadas.

As doses liberadas terminaram na manhã de quarta-feira (29).

Cláudia Burdzinski

Cláudia Burdzinski

Estudante de Jornalismo que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br
Cláudia Burdzinski
Compartilhe esta reportagem...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this page


Comentários: