Deputado mantém seu contato com a população por meio das redes sociais e do rádio. (Fotos: Assessoria Emerson Bacil)

O Paraná anunciou recentemente um crescimento agropecuário de 3% acima da inflação do ano de 2018 para 2019. O setor representa 1/3 da economia paranaense e 3/4 das exportações. São Mateus do Sul, conforme o presidente da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de São Mateus do Sul (ACIASMS), Luciano Castilho, cresceu 18% neste período no Valor Bruto de Produção (VBP).

“O agronegócio segue firme e isso é muito bom. Por outro lado, me preocupa um setor específico, a fumicultura”, opina o deputado estadual Emerson Bacil. Por conta disso, recentemente o parlamentar participou de uma e promoveu outra audiência pública virtual com representantes de entidades, empresas e autoridades visando entender o cenário e discutir a compra da produção que ficou nas propriedades.

No mandato parlamentar, o deputado que segue morando em São Mateus do Sul e com a estrutura de gabinete voltada para a região, destinou recursos para a Saúde, setor agropecuário e ressalta a entrega de viaturas para a Polícia Rodoviária Estadual. Postos de São Mateus do Sul, Lapa e União da Vitória foram beneficiados com novos veículos e Bacil participou do repasse ao comando.

O deputado Bacil destaca, ainda, seu trabalho em defesa da erva-mate em que lidera o Bloco Parlamentar de Incentivo à Cadeia Produtiva da Erva-Mate no Paraná e o projeto de Manejo de Pinheiro Araucária. “Precisamos de estudos e pesquisas para constituir uma política pública sustentável em relação ao Pinheiro Araucária. Erva-Mate é outra bandeira de trabalho do nosso mandato”, afirma.

Fumicultura e caminhos

Recentemente, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul promoveu uma audiência pública para discutir o cenário do tabaco no estado. De um lado a queixa de que fardos de fumo que excederam as estimativas não foram comprados e preços pagos abaixo da expectativa. De outro o problema do comércio de cigarros contrabandeados e produção excedente e de menor qualidade.

“Nas falas como deputado busco ser a voz do fumicultor e levar suas demandas. Trabalhando em defesa da região”, afirma Bacil.

A alegação das empresas, em especiais da JTI e Souza Cruz que participaram da audiência gaúcha, foi de que a qualidade ficou prejudicada na última safra e houve excedente de produção não informada na estimada para as fumageiras. Também de que a indústria de cigarro, lícita e com rigor tributário, está sofrendo com a venda de cigarros contrabandeados com preços muito abaixo dos brasileiros.

Fumo no Paraná

No Rio Grande do Sul o deputado estadual Elton Weber puxou este debate e colocou a temática em discussão, servido de base para Bacil tratar o assunto no Paraná. De forma inédita, uma audiência pública (virtual) colocou frente à frente empresas, entidades, autoridades e agricultores. A discussão serviu para compreender o cenário paranaense e buscar alternativas para o setor.
De acordo com os representantes das empresas JTI, Paulo Saath, e Souza Cruz, Carlos Palma, – que participaram da audiência – as fumageiras compraram o quantitativo informado em estimativas de produção. Por outro lado, as quantidades produzidas no Brasil estão maiores e o comércio sofreu transtornos com a pandemia da Covid-19. Mas os contratos com produtores foram cumpridos.

Outro ponto que preocupa as empresas são os cigarros vendidos, por preços muito menores, originários de contrabando. “Colocamos este assunto em discussão porque muitos produtores ficaram com sua renda estocada em galpões e isso não é justo”, afirmou Bacil. O deputado defende a garantia de compra, em especial, para a próxima safra. “O fumicultor precisa ter esta certeza na hora de plantar.”

Trabalho no setor

A audiência teve também a participação de representantes da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores Familiares do Estado do Paraná (FETAEP), presidente Marcos Brambilla, e Benício Werner que preside a Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra). “Mais que entender as causas precisamos encontrar soluções e é nisso que eu tenho trabalho desde o início do mandato”, explica Bacil.

Diversas situações foram apontadas, na reunião virtual que teve a participação do secretário de Estado de Agricultura e Abastecimento do Paraná (SEAB), Norberto Ortigara. “Ouvimos dele a intenção de participar destas tratativas e levar ao governador [Carlos Massa] Ratinho Junior esta situação”, cita o deputado. “Pela 1ª vez que este assunto chega neste patamar de discussão”, frisa.

A expectativa de Emerson Bacil é de que se possa garantir o comércio da safra que está em fase de preparação de mudas e plantio, bem como, a compra dos excedentes de estimativa seja feita. “Foi o primeiro passo e estamos trabalhando nisso. Sou a voz do fumicultor nas minhas falas em defesa do setor como deputado”, reforça. “Precisamos, também, de novas alternativas para a agricultura.”

Investimentos na região

Recentemente o deputado foi até o município de Bituruna para formalizar a entrega de um trator agrícola para uma associação. A cidade, via deputado Bacil, recebeu o título de capital estadual do Vinho. “Recebemos a demanda, encaminhada pela prefeitura e lideranças locais, e pudemos atender”, explica. Ainda, uma ambulância está sendo comprada com recursos indicados pelo parlamentar para a cidade.

Entrega de viatura nova foi feita para os postos da PRE de São Mateus do Sul, União da Vitória e Lapa.
Bacil acompanhou o repasse do veículo.

“Infelizmente, alguns prefeitos não encaminham solicitações para nós”, aponta o deputado. Segundo ele, por mais que resida em São Mateus do Sul e tenha uma relação direta com São João do Triunfo, estes municípios não têm buscado o mandato para investimentos. “Mas mesmo assim estamos atendendo, por pedido de lideranças e observar inúmeras necessidades. Trabalhamos pelo povo”, frisa.

Recursos para construção da estrutura própria do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e ambulância nova, além do trabalho para liberar a ordem de serviço que iniciou a obra do novo Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes, são parte destas ações. Em São João do Triunfo são investimentos no Hospital, escolas estaduais, espaços esportivos, entre outros.

Recursos e trabalho

Antônio Olinto vai adquirir uma ambulância nova com indicação de Bacil. Da mesma forma Mallet e Rebouças com recursos para compra de veículo para transporte de pacientes. “Além de investimentos em equipamentos de saúde e agricultura”, completa Bacil. O deputado, também, esteve visitando o posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) na PR-151 que recebeu nova viatura.

“São três postos atendidos, dos quais acompanhamos os trabalhos na região. Além de São Mateus do Sul, Lapa e União da Vitória”, salienta o deputado. Emerson Bacil destaca ainda investimento de recursos em Rio Azul e Imbituva. “Estamos empenhados em ter um mandato que atenda as necessidades das pessoas. Mesmo no momento difícil que passamos seguimos trabalhando. Com muita vontade.”

Sidnei Muran

Sidnei Muran

Jornalista (MTB 7597 DRT/PR), formado pelo Centro Universitário de União da Vitória (Uniuv), pós-graduado em História e Cultura pela Unespar – campus de União da Vitória e Licenciado em História pela Unespar – campus de União da Vitória.
Sidnei Muran

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Ervateira Taquaral é uma das empresas patrocinadoras da Promoção Chimarrão da Sorte
Mano Madeiras completou 50 anos em 2019
Ervateira Maracanã é uma das empresas patrocinadoras da Promoção Chimarrão da Sorte