Jornal de São Mateus do Sul (PR) e região

Do AM para FM: Rádio Difusora do Xisto agora é 88,7 Mhz

A Rádio Difusora do Xisto mudou para FM no domingo (10), e está localizada na Rua Ulisses Faria, 1077, Centro de São Mateus do Sul. Tramitação para o FM melhora a qualidade dos programas que já se tornaram parte da história de São Mateus do Sul. (Fotos: Cláudia Burdzinski/Gazeta Informativa)

Você já parou o que estava fazendo quando escutou aquela música clássica que anuncia o “Plantão” na Rádio Difusora? Já ficou do lado do rádio com papel e caneta para marcar o telefone das ofertas que são lançadas no “Espaço Livre”? Há também quem se arrisca na sorte e tenta decifrar a “Música Misteriosa” de todo sábado, só para levar consigo aqueles inúmeros prêmios oferecidos pelos colaboradores.

A Rádio Difusora do Xisto foi inaugurada em 1983, e é um dos meios de comunicação do segmento que mais expressa a linguagem do povo são-mateuense e de toda região. Talvez um dos principais diferenciais da equipe responsável pelos programas é a interação e linguagem simples, que aproxima a população sobre os mais diversos temas, garantindo a liberdade do povo para reclamações, agradecimentos e proporcionando que muitos se tornem “Anjos de Plantão” nos mais diversos assuntos.

A mudança

Primeiramente precisamos entender a diferença da Amplitude Modulada (AM) para a Frequência Modulada (FM), responsáveis pelo upgrade (melhoria) na Rádio Difusora do Xisto. O sinal sonoro faz com que escutemos o programa de rádio em casa, no trabalho ou no carro, ele é emitido por ondas eletromagnéticas através de uma torre.

A AM descoberta no século XX possuía uma propagação de sinal muito maior e melhor, mas com o passar dos anos e com as interferências de outros tipos de ondas eletromagnéticas (como sinais televisivos e outros meios urbanos) acabou perdendo a sua qualidade.

Depois da descoberta desses impedimentos de qualidade no sinal, a FM passou a se tornar mais recomendável, pois possui picos positivos de sinal mais altos, assim como os negativos (interferências) mais baixos. Além disso, são resistentes e garantem uma qualidade sonora muito melhor.

Tendo como base o projeto do Governo Federal que destaca a não evolução tecnológica da AM e autoriza a migração para FM, líderes governamentais deixaram como proposta livre o processo migratório para os proprietários das rádios do segmento, cancelando dessa maneira o sinal das que não desejassem migrar.

No domingo (10), a Rádio Difusora do Xisto começou a trabalhar em sua versão FM, “optamos por migrar porque somos uma empresa e não um grupo com várias emissoras de rádio. Migramos para a FM e pagamos a concessão do canal, o que torna a rádio nossa e entregamos a AM para o Governo Federal”, diz Eduardo Pinheiro Ferreira, um dos diretores da rádio.

De acordo com os proprietários Eduardo e Francisco Luiz Ulbrich, o valor que foi gasto com a estrutura e todos os equipamentos chega em torno de R$ 500.000,00. “O nosso projeto não termina nessa primeira fase, depois iremos mudar nossa torre de local para aumentar o alcance de ouvintes. Em um espaço de dois anos buscamos realizar esse projeto de maneira completa”, ressaltam.

Muitas perguntas surgem com essa mudança entre a população, dentre elas, a dúvida de alteração na programação. “A rádio não vai modificar em nada na sua programação. Nós temos um perfil e não iremos mudá-lo por conta dessa migração”, defende Eduardo.

Trabalhando na mudança para a qualidade da rádio para o povo, toda equipe responsável se empenha para garantir com que o sinal de qualidade chegue à família são-mateuense e de toda região. “A Rádio Difusora é a rádio do povo e sem o nosso ouvinte ela não existe, por isso prezamos pela afinidade com o público. Estamos fazendo de tudo para melhorar a rádio que é de todos vocês”, realça Eduardo.

Conciliando a evolução com adaptação na comunicação coletiva, a Rádio possui seu WhatsApp que facilita a comunicação com o público, Eduardo comenta que, “muitas vezes as pessoas têm vergonha de ligar ao vivo e se sentem mais confortáveis mandando algo gravado, e nessa relação do público no WhatApp aumentou a interação por conta dessa praticidade”.

A rádio permanecerá no AM por mais 2 anos em média até o seu desligamento total, mas agora, para escutar na melhor qualidade seus programas preferidos, é só sintonizar na 88,7 Mhz (MegaHertz) que a mesma programação e as mesmas vozes estarão presentes na melhor qualidade da Rádio Difusora do Xisto.

Ficou na dúvida sobre esse processo de tramitação? É só entrar em contato com a Rádio Difusora do Xisto nos telefones: WhatsApp (42) 99802-9765 ou 3532-1644; 3532-2489.

A Rádio está localizada na Rua Ulisses Faria, 1077, Centro de São Mateus do Sul. Está longe do município e quer acompanhar mesmo assim a programação? É só acessar www.difusoradoxisto.com.br e conferir ao vivo as últimas novidades da cidade.

Francisco Luiz Ulbrich e Eduardo Pinheiro Ferreira são os proprietários da Rádio Difusora do Xisto.

Cláudia Burdzinski

Cláudia Burdzinski

Repórter que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br
Cláudia Burdzinski
Compartilhe esta reportagem...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this page


Comentários: