Jornal de São Mateus do Sul (PR) e região

Edital de licitação para a construção da nova sede do Hospital está aberto

Projeto de construção do Novo Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes. (Divulgação)

O Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes (HMDPF), lançou no dia 30 de maio, o edital inaugural da licitação para a construção de sua nova sede e apresentou o site desenvolvido para que a comunidade acompanhe todo o processo licitatório.

O edital da licitação do tipo concorrência n° 001/2018, tem por objetivo a contratação de empresas para execução de serviços de engenharia, através de empreitada por preço global.

A licitação será para a construção de uma nova edificação para o HMDPF, com área total de 3.515,30 m², em cumprimento ao Termo de Convênio nº 052/2018, celebrado entre o Estado do Paraná, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, Fundo Estadual de Saúde e o Hospital.

A área é constituída das seguintes unidades hospitalares: leitos adultos e leitos infantis de internação; salas cirúrgicas; salas de exames – raio X, tomografia, mamografia e ultrassonografia; enfermarias PPP (pré-parto, parto e pós-parto) e demais unidades de apoio técnico e logístico.

A construção do HMDPF, será realizada na rodovia da BR-476, quilômetro 280, em terreno inscrito no Registro Imobiliário sob a matrícula nº 8.871. O valor global máximo neste processo licitatório será de R$ 18.470.569,44.

O Termo de Convênio nº 052/2018, celebrado entre o HMDPF e o Estado do Paraná, estabelece as condições de obrigações entre as partes, com a finalidade de repasse de recursos financeiros para a construção de uma nova edificação do Hospital, com o intuito de melhorar o atendimento aos pacientes e ampliar seus serviços. Esse Termo foi publicado no Diário Oficial do Estado (DIOE), edição nº 10193, em 21 de maio e consta na 7ª página.

Para a realização do processo licitatório, em atenção ao compromisso assumido pela entidade no contrato do termo de convênio, o presidente do HMDPF, Jucimar Nizer, nomeou uma Comissão de Licitação para agilizar todo o andamento do procedimento técnico.

A Comissão de Licitação é composta pelos seguintes membros: Anderson Nora da Silva, Adriana da Cruz e Silva, Cassiane Dalcanton Pomagerski, Gracieli de Paula e Silva e Helena Schmidt Zelinski. O referido ato de nomeação foi publicado no DIOE, edição nº 10197, em 25 de maio.

Transparência através do site

O site foi desenvolvido para assegurar a máxima transparência ao processo licitatório, contratação, fiscalização, recebimento e execução da obra com recursos públicos para a construção do novo HMDPF.

O lançamento do site, em comunhão à data de publicação do edital, respeita o contrato firmado através do Termo de Convênio com o Governo do Estado e também as legislações vigentes, em especial, a Lei nº 8.666/93 e a Lei Estadual nº 15.608/2007, possibilitando que todo cidadão tenha acesso às informações de interesse público.

O presidente do HMDPF menciona que o processo precisa ser o mais transparente possível, por isso convida toda a comunidade para participar do passo a passo dessa conquista. “No ano passado aprovamos um projeto que a Prefeitura Municipal arcou financeiramente. Nesse ano assinamos o convênio junto ao Governo do Estado e agora chegou a hora de fazermos a licitação que acontecerá no início do próximo mês.”

Nizer afirma que eles possuem a preocupação de fazer um processo totalmente transparente para que todos vejam a legalidade que o dinheiro público está sendo investido. Para ter acesso a todas as informações do andamento da licitação e posterior andamento da obra, basta acessar o seguinte endereço: www.hospitaldrpaulofortes.com.br.

O site permite também que a comunidade possa entrar em contato com a diretoria da entidade, para manifestar-se quanto a elogios, dúvidas ou indagações que possam vir a somar no alcance do objetivo comum dos são-mateuenses que é a construção do novo HMDPF.

O projeto da construção

O projeto para a construção do novo HMDPF foi elaborado pela sociedade empresária Arquitetura e Planejamento Ltda. (MEP), especializada na elaboração de projetos de arquitetura e engenharia na área de saúde, sob a responsabilidade técnica da arquiteta Ana Carolina Potier Mendes.

“O projeto do novo HMDPF envolveu uma série de profissionais, que vão desde o levantamento do terreno, passando pela arquitetura e todos os projetos complementares de engenharia, orçamento e cronograma da obra. Foi um projeto bastante complexo, com prazo curto como normalmente é na área de saúde, mas que a MEP teve a satisfação de realizar em parceria com a diretoria e a equipe do hospital”, relata a arquiteta.

Ana ressalta que quando esteve em São Mateus do Sul, sentiu a união e a expectativa das pessoas em tornar o projeto realidade. “Espero, que a obra se concretize e traga muitos benefícios para o município e região.”

Estão incluídos na obra os projetos executivos de: arquitetura; climatização; instalações elétricas; instalações hidrossanitárias; prevenção contra incêndio; fundações e estrutura em concreto armado; estrutura metálica; gases medicinais; Gás Liquefeito de Petróleo (GLP); terraplenagem; projeto de radioproteção; planilha de serviços e cronograma físico e financeiro; plano de gerenciamento de resíduos da construção civil; plano de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde; levantamento planialtimétrico e o relatório de sondagem.

O recebimento dos envelopes “A” contendo a proposta de preço, e do envelope “B” com a documentação de habilitação, deverão ser entregues precisamente às 9h do dia 2 de julho, na secretaria do HMDPF. Eles serão posteriormente abertos na sala de reuniões da Prefeitura Municipal às 9h15 do mesmo dia.

Nizer convida toda população para assistir a abertura dos envelopes. “Que hajam bastante empresas e propostas para garantir uma boa concorrência. A que oferecer o menor preço se responsabilizará com a obra.”

Compartilhe esta reportagem...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this page


Comentários: