Policial

Enfermeira com familiares em São Mateus do Sul é assassinada em Joinville

Arquivo Pessoal / Facebook

A notícia do assassinato da técnica de enfermagem, Claudia Mara Koppe, de 44 anos, foi recebida com muito pesar pelos pacientes que foram atendidos por ela, no Hospital Municipal São José, em Joinville (SC), e por familiares dos seus dois irmãos, Valdecir Koppe e Evaldo Koppe, que moram em São Mateus do Sul. Claudia deixou dois filhos, um de 12 anos e outro de 23.

O hospital publicou uma nota de falecimento, no Facebook, que já teve milhares de compartilhamentos, curtidas e muitas mensagens de solidariedade.

Investigação

Segundo informações, Claudia foi morta com um tiro na cabeça por volta do meio-dia de sábado (30), dentro da casa dela, que fica localizada no bairro Boehmerwald, zona Sul de Joinville. Conforme o delegado Fabiano Silveira, que investiga o caso, a mulher foi morta por um rapaz jovem, com aproximadamente 20 anos, que era desconhecido da família. O crime foi presenciado pelo filho de Cláudia de apenas 12 anos.

Uma das hipóteses levadas em consideração pela investigação é a possibilidade de crime passional. Neste caso, o crime teria sido encomendado. Claudia já havia registrado vários boletins de ocorrência por ameaça contra um ex-companheiro, com quem conviveu por cerca de seis meses. Havia uma medida protetiva contra ele, de outubro do ano passado.

A polícia procura identificar o executor do crime. A partir daí será possível identificar se houve um segundo envolvimento como possível mandante do crime. Outras possibilidades não são descartadas pela polícia.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Agricultor morre esmagado pelo próprio trator em Rio Negrinho
Suspeito de homicídio de irmãos no interior de São Mateus do Sul é preso
Causa da morte do corpo encontrado no Rio Iguaçu não foi afogamento segundo IML