Parquinho instalado na Escola Gustavo Armbrust, aguardando os alunos. (Fotos: Divulgação)

São Mateus do Sul conta com uma novidade que vai, em breve, chegar a todos os Cmeis e Escolas Municipais, com certeza encantando os pais e alunos, além dos professores. Os parquinhos que já fazem parte da nossa paisagem, por termos em algumas praças públicas, como a Praça do Iguaçu, a Praça da Matriz e o Ginásio Polacão, agora estão chegando às escolas.

A ideia dos parquinhos começou há alguns anos, logo após a aprovação do projeto de lei que instituiu a Emenda Impositiva, sendo uma proposta do vereador Enéas Melnisk. Assim, os vereadores passaram a ter um valor anual, sendo um pequeno percentual do orçamento do município, onde podem indicar onde o Poder Executivo terá de aplicar, tendo até o ano seguinte para execução.

Também há os tradicionais brinquedos em conjunto.

Contempla diversos brinquedos em tamanhos compatíveis com a idade escolar.

Uma das opções do vereador Omar Picheth foi levar às escolas do interior os parquinhos, sendo que cerca de dez foram destinados por suas emendas, dando início ao projeto. Em recente reunião na Câmara de Vereadores, ele agradeceu ao agora vereador Jorge Manfroni, que na época era secretário de Educação e fez a aquisição dos parquinhos, que viraram padrão na cidade, devido à sua qualidade, cunho pedagógico e beleza.

No último ano de mandato, outros vereadores também passaram a colocar em suas emendas a aquisição dos parquinhos, a partir da iniciativa do vereador Picheth, foram eles Fernanda Sardanha, Marta Centa, Miguel Magnani e Nereu Dal Lago.

A atual administração, por meio da Secretaria de Educação e Cultura, com a secretária Liliane Santana, adotou a ideia e está equipando todas as escolas que ainda não possuíam o parquinho. Além disso, as escolas também estão recebendo um grande conjunto de brinquedos pedagógicos, que complementam o aprendizado lúdico dos alunos. Os parquinhos já foram adquiridos e estão sendo instalados à medida que são entregues, juntamente com reformas e melhorias que estão mudando o ambiente nas escolas. No total, são 35 estabelecimentos de ensino, sendo 22 escolas e 13 Cmeis.

Parquinho na Escola Olívio Wolff do Amaral, à espera das atividades.

“Os parquinhos serão um grande diferencial e é um grande sonho realizado para todos, para eu que sonhava com essa ideia, para os professores e, principalmente, para os alunos”, comentou Omar Picheth.

Os parquinhos mais simples custam R$ 4.300,00 e os maiores R$ 35.010,00, sendo que o valor global adquirido em playgrounds e brinquedos, através de Processo Licitatório, foi de R$ 664.282,00, sendo que R$ 500.000,00 são emendas impositivas de vereadores do mandato passado, e o complemento da atual administração. Eles são fabricados em madeira tratada e materiais plásticos de alta resistência, com peças de reposição, garantindo entretenimento e diversão por muito tempo. Os parquinhos mais do que diversão, colaboram com o desenvolvimento físico e motor das crianças, além da socialização e complementação de atividades desenvolvidas pelos professores.

Apesar do belo investimento realizado pela Prefeitura Municipal, os alunos ainda terão que aguardar um pouco mais para usufruir dos brinquedos devido à pandemia.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Alunos do Grupo Resgate Gaúcho realizam oficinas temáticas
15º Rodeio de Integração reúne CTG’s de toda a região
Jorge Amado é tema de evento literário que reuniu dezenas de jovens envoltos pela obra Capitães da Areia