(Imagem Ilustrativa)

Em o Livro dos Espíritos, na pergunta 258, Kardec inquire os espíritos da codificação dessa forma.

No estado errante, antes de nova existência corpórea, o Espírito tem consciência e previsão do que lhe vai acontecer durante a vida?

— Ele mesmo escolhe o gênero de provas que deseja sofrer; nisto consiste o seu livre-arbítrio.

Começo esse artigo com essa questão para falar dos acontecimentos trágicos que marcou o último final de semana, um acidente fatal, um assassinato e um suicídio, todos envolvendo jovens conhecidos na nossa região.

Sem dúvidas, acontecimentos por demais dolorosos para familiares e amigos, mas que fazem parte do processo da existência humana, de um lado, os que partiram cumpriram seus resgates pré-agendados, e para os que ficaram, são provações, que todos devemos passar, de um jeito ou de outro, mas também tudo pré-agendado por nós mesmos.

Portanto nesses momentos de dor, devemos lembrar do sofrimento do Divino Mestre e suportar aquilo que nos cabe sem revoltas, sem impropérios, mas com muita fé e esperança nas promessas de Jesus.

Com muita resignação, aguardando o momento que o Mestre prometeu, que não existira mais resgates nem provações, onde o mal não triunfara, as lagrimas secarão e estaremos todos reunidos para nunca mais nos separar, pois somos espíritos eternos e o que morre é apenas o corpo físico.

Jesus venceu a morte, e nós também venceremos.

Meus mais sinceros sentimentos as famílias enlutadas e até a próxima semana.

Fraternidade Espírita José Matias Ferreira, na Vargem Grande. Reuniões públicas toda segunda-feira, às 20h. Todos são bem-vindos.

Oscar Okonoski
Últimos posts por Oscar Okonoski (exibir todos)

Comentários

MATÉRIAS RELACIONADAS
Confie Sempre
O isolamento e os divórcios
Eleições