Fernanda Garcia Sardanha se tornou a primeira mulher a ocupar o cargo mais importante do Poder Executivo na cidade
de São Mateus do Sul. (Fotos: Éber Deina/Gazeta Informativa)

O último domingo (15), ficou marcado pelas comemorações relativas à eleição da primeira mulher a ocupar o cargo de prefeita em São Mateus do Sul. Fernanda Garcia Sardanha e seu vice-prefeito, Adão Brudnicki Staniszewski, foram eleitos com 9.173 votos, de acordo com informações divulgados pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Fernanda Sardanha será a primeira mulher na história de São Mateus do Sul, a ocupar o principal cargo do Poder Executivo municipal, fato que também gerou bastante repercussão na sociedade são-mateuense. Em entrevista especial ao programa GI Entrevista na última terça-feira (17), ela comentou sobre a importância do momento. “A representatividade das mulheres nos espaços de decisão públicos sempre foi um objetivo pelo qual eu lutei. Agradeço de coração a toda a população são-mateuense, nosso governo será direcionado a todos os cidadãos sem nenhuma forma de exclusão”, comentou ela.

História de vida

Nascida na pequena cidade catarinense de Santa Cecília, Fernanda Garcia Sardanha é casada há 20 anos com Marcos Sardanha e possui uma filha, a são-mateuense Milena de 15 anos. Ela comentou sobre suas origens e relações familiares. “Nasci e cresci na cidade de Santa Cecília, distante aproximadamente 100 km de Lages, no estado de Santa Catarina. Desde criança estive envolvida com a vida no campo e atividades em torno disso, principalmente pela influência e companhia dos avôs maternos”, destacou a prefeita eleita.

De acordo com Fernanda Sardanha, nos próximos 4 anos o município de São Mateus do Sul terá uma gestão comprometida com o bem-estar e a saúde da população, sendo as medidas de combate ao coronavírus prioritárias em sua opinião.

Outro aspecto bastante marcante de sua trajetória, é a carreira dedicada ao Serviço Social. “Estou residindo e vivendo cada pedaço de São Mateus do Sul há aproximadamente 20 anos. Exerço minha profissão na área do Serviço Social, por influência de uma grande amiga que me inspirou e motivou a seguir esta missão tão nobre e gratificante, que realmente é capaz de modificar a realidade das pessoas”, comentou Fernanda.

Vontade de fazer mais

De acordo com Fernanda, o Serviço Social abriu portas para que ela tivesse uma nova percepção da realidade. “Dentro da minha rotina de trabalho, nos deparamos muitas vezes com situações complexas, que refletem questões de ordem social e econômica no país. O meu principal objetivo ao entrar na política como vereadora, foi ocupar os espaços de decisão públicos, através dos quais tantas coisas são concretizadas”, explicou ela.

Fernanda Garcia Sardanha e seu vice-prefeito, Adão Brudnicki Staniszewski, foram eleitos com 9.173 votos.
(Foto: Acervo Pessoal)

Outra questão bastante presente nos seus ideais, é promover a representação e a participação das mulheres nos espaços políticos. “Observamos como uma tendência geral, a ocupação majoritariamente masculina nos espaços de tomada de decisão. Acredito que é um momento marcante para todas as mulheres são-mateuenses, que agora possuem a primeira prefeita da história de São Mateus do Sul. Vamos trabalhar com muita humildade, atendendo todos os setores da sociedade de maneira igualitária”, comentou a prefeita eleita no programa GI Entrevista.

Agradecimentos

O sentimento de gratidão à sociedade e aos envolvidos, é bastante presente na fala da primeira prefeita da história de nosso município. “Agradeço de coração a colaboração do meu Vice, o Adão, assim como de todos aqueles que participaram da campanha e depositaram sua confiança em mim. Ao longo dos próximos 4 anos, iremos trabalhar duro em questões importantes para São Mateus do Sul, como a geração de emprego e renda, a saúde e a educação, entre muitos outros aspectos com o objetivo de melhorar a qualidade de vida de nossa população”, encerrou ela.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Presidente da Câmara fala sobre perspectiva para o ano legislativo
Servidores marcam presença na sessão ordinária na Câmara Municipal
Câmara de São Mateus do Sul terá duas mulheres a partir de 2017