Uma mulher foi presa pela Polícia Militar, por furto qualificado e abandono de incapaz, na tarde desta terça-feira (2), na Rua Antônio Bizinelli, no Parque das Tamareiras.

A solicitante compareceu na sede da 3ª Cia, relatando que recebeu uma denúncia via WhatsApp, de que sua funcionária havia furtado algumas peças de roupas de sua loja. Além disso, a PM recebeu a informação de que a mulher saía para trabalhar e deixava os filhos de 5 e 10 anos, sozinhos em casa.

A PM juntamente com o Conselho Tutelar foram até a casa da suspeita, e encontraram algumas roupas em casa, porém estariam em condicional para venda. Ao entregar as sacolas com as peças, foi possível ver que os filhos estavam sozinhos em casa. Vizinhos que não quiseram se identificar confirmaram o fato aos conselheiros tutelares.

Ao ser questionada se haviam mais roupas no local, inicialmente ela negou, porém logo mostrou que possuía mais roupas no guarda-roupas, totalizando 96 peças de roupas, sendo calças, biquíni, blusas, roupas de academia, sutiã, vestidos, saias de diversas marcas como Rola Moça, Viber, Dimy, Yex, entre outras, totalizando R$ 24.400,00, de acordo com a vitima.

No veículo foi localizado uma passadeira a vapor portátil da marca Philco, de propriedade da vítima.

Diante dos fatos, foi dado voz de prisão à A. F., que foi conduzida ao Pronto Atendimento Municipal e posteriormente à 3ª Subdivisão Policial para procedimentos cabíveis.

As crianças ficaram aos cuidados dos conselheiros tutelares, que entraram em contato com o pai, que por sua vez compareceu até a delegacia para ficar aos cuidados dos menores.

Fonte: Portal RDX

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Família e amigos estão arrecadando dinheiro para trazer o corpo de são-mateuense morto em Tocantins
Golpista é preso em São Mateus do Sul
Motociclista de União da Vitória necessita de doação de sangue após acidente na BR-476