Máquina do Tempo

Futebol e História

Na foto, a seleção uruguaia, primeira campeã da Copa do Mundo, em 1930. (Foto arquivo AE)

Em clima de Copa do Mundo, resolvi escrever um pouquinho sobre a história do futebol e dessa competição mundial. Vários povos ao longo da história, chineses, japoneses, romanos e gregos antigos, persas, vikings e muitos outros, já jogavam algum tipo de jogo com bola. Na Grécia e Roma antiga, por exemplo, os jogos de bola eram utilizados para preparar soldados para a guerra. Já na América do Sul e na América Central existiu um jogo chamado Tlatchi, muito semelhante ao futebol, praticado por diversos povos mesoamericanos, como por exemplo, os astecas. Porém, foi em 1893, na Inglaterra, que surgiu o futebol que conhecemos hoje, através da separação de duas associações de jogos de bola, Futebol Association e Futebol Rugby. A separação ocorreu por conta dos partidários do rugby, que não aceitavam um jogo em que era proibido segurar a bola com as mãos. Assim, surgiu a The English Football Association (EFA), primeira associação inglesa de futebol, formalizando o futebol como um esporte para ser praticado apenas com os pés. Oito anos depois, a EFA já contava com 50 clubes membros. A primeira competição mundial, a FA Cup, aconteceu no mesmo ano. Antes de se ouvir sobre o futebol na Europa, já aconteciam partidas internacionais na Grã-Bretanha. A primeira delas foi em 1872, entre Inglaterra e Escócia.

No Brasil, o futebol foi trazido pelos ingleses por volta de 1895, porém, a Confederação Brasileira de Futebol só iria surgir em 1919. O inglês Charles William Miller foi quem trouxe a primeira bola de futebol para solo brasileiro, por conta disso, é considerado “o pai do futebol” brasileiro. No início, o futebol era um esporte praticado somente pela elite, hegemonicamente aristocrática e branca, a população pobre e negra só podia assistir as partidas. Com a popularização do esporte, por volta dos anos vinte, é que tais camadas da sociedade tiveram acesso a pratica esportiva, principalmente porque em 1933 o futebol profissionaliza-se. Porém, há pesquisadores que afirmam que o futebol já era praticado por essas bandas antes disso, pois partidas de futebol já eram disputadas por marinheiros e tripulantes de navios estrangeiros em solo brasileiro desde a época Imperial. O pioneirismo de Miller também é contestado, algumas versões contam que foi o escocês Thomas Donohoe quem trouxe o futebol para o Brasil. Como não sou fã de verdades absolutas, creio que ambos deram suas contribuições e que o futebol veio para o Brasil através da fusão de culturas. A ideia para a realização de uma Copa do Mundo ocorreu em 1904 com a criação da Fifa (Federação Internacional de Futebol) mas a primeira só seria realizada em 1930, no Uruguai. O país foi escolhido por conquistar o título olímpico no futebol e por celebrar, naquele ano, seu centenário de independência. Devido à quebra da Bolsa de Valores de Nova York, em 1929, das 13 seleções participantes, apenas quatro eram europeias, França, Romênia, Bélgica e Iugoslávia. As outras nove equipes eram americanas, Brasil, Uruguai, Argentina, Peru, Chile, Paraguai, Bolívia, México e Estados Unidos. No dia 30 de julho de 1930, Uruguai e Argentina disputaram a primeira final de Copa do Mundo, no estádio Centenário. O Uruguai derrotou a Argentina por 4 a 2, de virada. No dia seguinte, o governo uruguaio decretou feriado nacional. O Brasil ficou em sexto lugar na competição, e hoje, sendo o maior campeão de Copas do Mundo, busca seu sexto título mundial! Hoje fico por aqui, mas na torcida pelo Hexa!

Jéssica Kotrik Reis Franco
Últimos posts por Jéssica Kotrik Reis Franco (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Os são-mateuenses que lutaram contra os nazistas. São Mateus do Sul e a Segunda Guerra Mundial – Parte II
Bella Ciao
Os são-mateuenses que lutaram contra os nazistas. São Mateus do Sul e a Segunda Guerra Mundial – Parte I