O destino foi Ushuaia, na Argentina. A viagem durou mais de um mês, e o grupo realizou o trajeto com motos e veículos de apoio. Eles voltaram para São Mateus do Sul no dia 22 de março. (Fotos: Acervo Pessoal)

Os aventureiros de São Mateus do Sul, que viajaram mais de 12 mil quilômetros rumo ao Ushuaia, chegaram de viajem no dia 22 de março, e trouxeram na bagagem muitas histórias, fotos e momentos que ficarão marcados na memória de cada um. O grupo nomeou a viagem de “El Regreso Ushuaia”.

A viagem foi realizada pelos motociclistas Luiz Ernani de Castro, Tatiana de Oliveira Freire (com a moto Yamaha SuperTenere 1200), Juliano Moreira e Patrícia Carvalho (com a moto BMW GS 1200 Adventure), Leila Regina Ribas Schumann e Hilton Schumann (moto Yamaha SuperTenere 1200), Luiz Carlos Caus (com a moto Harley Davidson Fat Boy). Eles contaram com o apoio dos carros em que Odirlei Delgobo Xavier Batista, Hélio Arantes Souza, Aparecida Romeiro Calixto e José Jorge Biason Calixto estavam conduzindo.

Saindo de São Mateus do Sul no dia 20 de fevereiro, o grupo chegou ao Ushuaia no dia 27 do mesmo mês, com trajetos e paradas de tirar o fôlego. “A vivência em grupo foi muito boa, tirando alguns atrasos e opiniões diferentes, mas quando se propõe em realizar uma viagem assim, todos precisam saber que vão existir opiniões e gostos distintos, porém todos tinham liberdade de fazer o que desejam quando chegávamos em cada destino”, explica Patrícia.

A viajante comenta que as paradas pelas cidades durante o trajeto foram programadas, no entanto, houveram alguns imprevistos com abastecimentos, problemas com pneus, ventos fortes de 60 km/h, chuva e estradas com rípio – pedras miúdas. “Paramos em algumas cidades não programadas então foi mais difícil para encontrar hotéis, já que nenhum tinha sido reservado antecipadamente devido ao risco de não chegarmos ao destino no dia e hora programados”, conta.

O grupo visitou lugares como Rio Galegos, Estreito Magalhaes, Ushuaia, Canal Beagle, Cabo Hormos, Punta Arenas, Torres Del Paine, El Calafate, Perito Moreno, El Chalten, Chile Chico, Puerto Rio Tranquilo, Bariloche, Capillas de Mármol, San Martin de Los Andes, Villa Angostura e Neuquen.

“O mundo é cheio de lugares incríveis, conhecemos pessoas que vieram da Europa e vão percorrer a América do Sul de bicicleta, moto, kombi, carro, motorhome e alguns até mesmo só com a mochila nas costas. Se você tiver a oportunidade de conhecer esses lugares não tenha medo, pois certamente vai viver momentos incríveis que serão lembrados por toda a vida. São aventuras que valem a pena viver com muita emoção! Foi cansativo sim, mas não me arrependo nenhum minuto de ter participado dessa viagem incrível”, garante.

Estudante de Jornalismo que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
A história do Bombeiro são-mateuense que participou da missão de resgate em Brumadinho
Cruzes, águas santas e cemitérios de anjos: lugares sagrados relacionados a São João Maria
Voltando para São Mateus do Sul depois de 67 anos

Deixe seu comentário

*