A menção feita pelo grupo aconteceu durante o Setembro Gaúcho comemorado pelo grupo. (Fotos: Resgate Gaúcho)

É no ritmo da música “Namoro de Sítio” dos músicos Os Serranos, que o grupo de dança Resgate Gaúcho finalizou as atividades do Setembro Gaúcho. Durante o mês alusivo à cultura, o grupo trabalhou dentro das aulas ofertadas gratuitamente às crianças e adolescentes, temas sobre a tradição, música, coreografias e até a produção de um vídeo clipe.

“O nosso objetivo com o Setembro Gaúcho é fazer com que os alunos saiam da rotina do curso e apenas dancem. Nós trazemos à eles desafios e brincadeiras. Confesso que fiquei meio tenso, mas eles vão lá e fazem perfeitamente”, afirma o professor e fundador do grupo Diego José Vaz Popoaski.

No primeiro sábado o grupo trabalhou a “Avaliação Tradicionalista”, em que os alunos desde do mês de maio estavam por conta própria aprendendo o ritmo tradicionalista do Balaio, além de criar um coreografia de base em um dos ritmos: Chamamé, Vaneira, Chote ou Rancheira.

Já no segundo sábado, aconteceu a 3º Gincana Gauchesca com os grupos Alma Gaudéria, Guardiões do Rio Grande e Império Gaúcho. Dentre as provas estavam a campanha da foto mais curtida e vídeo paródia, com a música “Namoro de Sítio”, que foi vista até pelo grupo “Os Serranos”, que enviou um vídeo agradecendo a homenagem. “Continuem prestigiando a nossa cultura! Essa é uma música baseada em uma história e nos bons costumes do Sul do Brasil”, destaca Edson Dutra, criador dos Serranos.

Diogo Nizer foi um dos protagonistas do vídeo clipe e ficou emocionado com o reconhecimento do grupo de música gaúcha. “Sou fã dos Serranos! É uma grande honra representa-los pois eles são também padrinhos do Resgate Gaúcho. Saber que eles viram o vídeo e nos responderam, me deixa contente com esse apoio”, diz. A equipe do Resgate Gaúcho também agradece a participação da Telma Staniszewski e da professora Ingrid Ramos que foram as juradas da gincana.

Além das atividades dentro do grupo, o Resgate Gaúcho participou do desfile cívico em comemoração aos 111 anos de São Mateus do Sul, da abertura da 15ª Expomate e 1º Agroshow, da Festa das Etnias na localidade de Fluviópolis e também na festa da comunidade de Carqueja. Diego agradece a colaboração dos alunos, pais e responsáveis que apoiam e incentivam a cultura gaúcha do grupo.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Colégio Duque de Caxias realiza IV Seminário Socioambiental
Equipe feminina de futebol são-mateuense é eleita a 5ª melhor do Paraná
Alunos podem se inscrever na Olimpíada de Inglês