Conheça o trabalho desenvolvido pela Pastoral da Pessoa Idosa, da Paróquia São Mateus. (Fotos: Acervo Pessoal)

Estando em São Mateus do Sul desde maio de 2006, na Paróquia São Mateus, a Pastoral da Pessoa Idosa (PPI), foi criada com o objetivo de acompanhar a pessoa idosa em visitas a domicílio mensalmente, assegurando a dignidade e a valorização integral, através da promoção humana e espiritual.

De acordo com Dionete Nadolny, coordenadora da PPI em São Mateus do Sul, as líderes realizam o trabalho voluntário de visitas para acompanhar a saúde do idoso e ver como anda o tratamento com os familiares e cuidadores. “Realizamos uma série de perguntas, tanto para a pessoa quanto para quem cuida, deixando toda a conversa em sigilo”, conta Dionete. Ao todo, o grupo conta com 18 líderes e todas as pessoas que se sentirem à vontade, podem estar participando do trabalho voluntário.

“Nossos encontros são realizados sempre na última quinta-feira do mês, e durante a reunião, fazemos a leitura do Evangelho e rapidamente conversamos sobre a abordagem orante do texto bíblico. Temos o momento para preenchermos os relatórios de visitas das líderes que é enviado para a equipe diocesana. Encerramos nosso encontro com um lanche, para confraternizarmos o momento”, explica Dionente.

A PPI é um organismo ligado a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e conhece de perto a realidade dos idosos do Brasil inteiro. A Pastoral busca melhorar a qualidade de vida do idoso, respeitando seus direitos por um processo educativo integrado a sua família e a comunidade. Com a formação de redes comunitárias de líderes voluntários que multiplicam o saber e a solidariedade fraterna. A PPI já tem mais de 10 anos de fundação, por iniciativa de Zilda Arns Neumann.

De acordo com a CNBB, a Pastoral tem por metodologia a prática de Jesus. “A leitura de Marcos 6,34-44 trata da multiplicação de dois peixes e cinco pães, onde o Mestre dá autonomia às lideranças, recomendando que se dividissem em grupos e servisse a multidão. A PPI, também identifica as lideranças no meio da comunidade e as envia em missão dois a dois depois de passarem por capacitação adequada”, informam.

O grupo utiliza dos meios de comunicação, como jornal, rádio e redes sociais para incentivarem mais pessoa à somarem a equipe. “Os interessados em participar podem deixar o nome na secretaria da Paróquia São Mateus, localizada na Avenida Ozy Mendonça de Lima, 256, Centro de São Mateus do Sul. O Papa Francisco nos orienta, enfatizando que ‘cada vez que vamos ao encontro de um irmão ou de uma irmã em necessidade, estamos tocando a carne sofredora de Cristo’”, convida Dionete. Mais informações no contato (42) 3532-1465.

Estudante de Jornalismo que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Confira como o jornal Gazeta Informativa chega até você!
Casa de Passagem São Vicente de Paula conta com o apoio da comunidade para a sequência do trabalho
Jornalista polonês que chegou em São Mateus do Sul de bicicleta busca encontrar seus antepassados da família Toporowicz, Huk e Grabowski

Deixe seu comentário

*