Geral

HOMENAGEM: Sete anos de exemplo de muito amor

Maria Carolina Franco ensinou para muitas pessoas o que é o amor. Ela se preocupava com todos durante seu dia a dia. Uma dócil menina que jamais estava triste diante de sua família, amigos e amigas. A Carolzinha não era uma simples criança, mas sim diferenciada. Seus pensamentos eram de pessoa adulta, sempre se preocupava com o próximo. Quando presenteava alguém, ela iria correndo perguntar se tinha gostado do presente que ofereceu. Por mais grandioso ou valioso que fosse esse presente, nada superava o valor daquele sorriso lindo que ela possuía. Um sorriso encantador cheio de amor. Em seus vários gestos de caridade, sempre demonstrou simplicidade. Afinal, o que levaremos dessa vida, além da missão que nos foi dada? A Carol sabe, cumpriu sua missão, e deixou claro para todos que a conhecem, que o amor, na maior simplicidade que seja, é o essencial para tornar nossos dias mais felizes. A Carolzinha passou por aqui durante sete anos, e nessa jornada ela viveu com pessoas incríveis, que se apaixonavam a cada minuto por ela.

Igual a outras crianças, a Carol brincava, chorava, e tinha sua comida preferida. Mas diferente de todas, ela recebeu a missão mais difícil até mesmo cientificamente comprovada. Nossa menininha não perdeu para o câncer, ela venceu sua vida, era uma princesa do sorriso contagiante. Todos que em algum momento tiveram a honra de estar ao lado dela, sentiram o amor de Deus dentro do Coração da Carolzinha. Sua família, seus pais sempre estavam ao lado dela, sua madrinha era a segunda mãe, se preocupando com todos afazeres da princesa Maria Carolina. Jamais deixaram de retribuir o amor recebido, o sorriso engrandecido e os gestos de carinho.

Deus nunca nos abandona, Ele sempre nos ensina, ajuda, e acolhe como filhos e filhas. Durante sua proteção de 24h por dia, envia anjos para ficar de sentinelas nos cuidando. São anjos que não conseguimos avistar a olho nu. Mas Deus em sua infinita bondade envia Anjos que somos capazes de enxergar. A Carol foi, é e sempre será nossa anjinha protetora, sete anos passaram durante toda missão da anja aqui na terra. Agora a eternidade é que aguarda o reencontro de todos que a conheceram. Não temos dúvidas que um dia iremos reencontrar nossa princesa, e esse dia será uma das maiores festas que o céu irá receber. A festa da anjinha, princesinha, rainha, Maria Carolina. Eternamente em nossos corações, te amamos, e nos proteja aí de cima!

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Ponta Grossa está entre as dez cidades com melhor saneamento do Brasil
Sebrae/PR promove Roda de Chimarrão em São Mateus do Sul
Confira o que abre e fecha em São Mateus do Sul durante o jogo do Brasil na Copa