O Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes iniciou a campanha no mês de dezembro, e contará com a parceria do Rotary Club São Mateus do Sul que fará a troca das cadeiras de rodas. (Fotos: Cláudia Burdzinski/Gazeta Informativa)

O Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes, de São Mateus do Sul, em parceria com o Rotary Club São Mateus do Sul iniciou em dezembro de 2018 a campanha “Lacre Solidário”, que busca a arrecadação de lacres de latinhas de alumínio para a aquisição de cadeiras de rodas para a instituição.

Com as festas de fim de ano muitas pessoas começaram a juntar esses lacres pensando em algum fim colaborativo, e para ajudar com a campanha, basta deixar os lacres arrecadados na recepção do hospital localizado na rua Dr. Paulo Fortes, 22, Centro de São Mateus do Sul, ou nos outros pontos de coleta: Herbert Materiais Para Construção, Eletrônica Vídeo e Áudio, Speed, Magparaná ou para os membros do Rotary, que foi o pioneiro nessa arrecadação em São Mateus do Sul.

Os lacres devem ser doados na recepção do Hospital.

De acordo com Graciele de Paula e Silva, uma das colaboradoras do hospital, a campanha iniciou com a aquisição de uma cadeira de rodas doada pela equipe do Rotary, que utilizou esse método de troca para a compra do equipamento. “Nessa campanha que estamos realizando a troca também será feita através do Rotary, que tem membros que colaboram com o hospital e estão juntos conosco”, diz.

Graciele explica que os lacres são acondicionados em uma garrafa pet, e são necessárias cerca de 160 garrafas para a troca de uma cadeira de rodas. “Gostaríamos de enfatizar que além de contribuir com o meio ambiente reduzindo o descarte inadequado, as pessoas estarão ajudando o hospital e as tantas pessoas que precisam em uma boa ação”, convida.

Faça sua colaboração e compartilhe essa ideia para mais pessoas! Você também pode colaborar com o hospital se tornando um associado contribuinte da instituição. Mais informações você encontra na sede do hospital ou através do telefone (42) 3532-3681.

Por que somente os lacres são arrecadados?

O manuseio do lacre é mais simples e ocupa bem menos espaço para armazenar do que latinhas. Para ter uma ideia, 30.000 lacres de alumínio cabem em 10 garrafas pets de 2 litros e equivalem a quase 1.000 latinhas de alumínio. Já imaginou armazenar 1.000 latinhas de alumínio em casa?

Em segundo lugar, a liga de alumínio do lacre tem teor de magnésio maior que o a da latinha. Dessa forma, separando o lacre evita-se que a mistura dos dois tipos de alumínio contaminem o alumínio reciclado.

Estudante de Jornalismo que adora escrever e conhecer um pouco sobre a vida e a história de cada pessoa envolvida. Preza pela essência que é repassada na produção de cada matéria, valoriza os pequenos gestos e apoia o ativismo ambiental. E-mail para contato: claudia@gazetainformativa.com.br

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Ex-atleta coxa-branca Marinho que morava em São Mateus do Sul morre aos 70 anos
Campanha do Agasalho 2017 tem início; saiba onde doar
Legislação determina que ciclistas e pedestres que não cumprirem as regras sejam multados

Os comentários estão fechados