Educação e Cultura

Jovens são-mateuenses embarcam para a Polônia em busca de aprimoramento cultural

Jovens fazem o trajeto contrário de seus antepassados que vieram da Polônia colonizar nossa cidade no século passado. Agora para buscar conhecimento e repassar a comunidade polônica são-mateuense. (Foto: Thaís Siqueira/Gazeta Informativa)

Edwin Victor Hoffmann Vavenchach, filho de Edenir Vavenchach e Vilma Hoffmann, e Yago Estéfano Santos Kotrich, filho de Wilceu Kotrich e Julice Aparecida dos Santos, ambos com 17 anos, foram selecionados para participar de uma estada educativa na Polônia entre os dias 9 a 24 de agosto do corrente ano. O projeto denominado “Akademia Liderska” (Academia de Líderes) corresponde a promoção de intercâmbio educativo e cultural promovido pela representação central da comunidade brasileira polonesa do Brasil – Braspol Núcleo de Nova Prata – RS, em cooperação com a organização não governamental “Wspólnota Polska”.

De acordo com o presidente da Braspol, núcleo de São Mateus do Sul, Sandro Zimny Vitonski “esta é uma oportunidade em que jovens brasileiros de origem polonesa poderão, através de estada educativa, conhecer a terra de seus ancestrais, bem como receberão treinamento para atuação cidadã, em suas comunidades de origem.”

Os adolescentes embarcaram na manhã desta quarta-feira (9) e chegaram ao destino final, na Varsóvia, na madrugada de quinta-feira (10), onde se unirão a outras dezenas de jovens como eles, em busca de conhecimento. Em suas bagagens, Edwin e Yago levam além de cuia, bomba e erva-mate, muita disposição e altruísmo para encarar quinze dias na terra onde os avós de seus avós nasceram e deram origem às suas famílias.

Diante o apoio de familiares, amigos e da diretoria da Braspol, os jovens estão de “peito aberto”, afirma Edwin que relata saber a língua oficial do país, o polonês, o suficiente para obter as informações necessárias e alcançar êxito na missão a eles confiada.

Na terça-feira (8), os jovens foram entrevistados na segunda edição do programa Gi Entrevista que é realizado, esporadicamente, ao vivo, na página da Gazeta Informativa no Facebook. Quando os jovens retornarem, estarão novamente presentes no jornal relatando quais aventuras vivenciaram na Polônia.

Colaborador

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
1ª reportagem da série “O Desabafo do Professor”
Morador de São Mateus do Sul estreia na literatura com livro sobre astronomia
Passeata marca início da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla em São Mateus do Sul

Os comentários estão fechados