A 4ª sessão ordinária de 2020 da Câmara Municipal de São Mateus do Sul foi realizada na última terça-feira (3), com a presença da totalidade dos vereadores.

Na oportunidade, o presidente da casa e vereador Nereu Edmundo Dal Lago apresentou o Projeto de lei nº 001/2020 que concede título de vulto benemérito para Oswaldo João Jasinski.

Dal Lago usou a Tribuna para justificar as intensões dessa homenagem a esse cidadão são-mateuense, que prestou um serviço para a municipalidade, atuando em diversas entidades filantrópicas municipais, tais como: Diretoria do Lar São Mateus e Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes.

A convite do então prefeito Laurival Mayer fez parte do grupo de trabalho que elaborou os primeiros planos de desenvolvimento urbano de São Mateus do Sul. Após sua aposentadoria na Petrobras dedicou-se ao setor público na qual exerceu a função de agente político durante o mandato de Prefeito Luiz Adyr Gonçalves Pereira como Secretário de Governo.

O homenageado é natural de São Mateus do Sul, nascido em 29 de fevereiro de 1944, filho de João e Saloméia Jasinski.

Pelo exposto, Oswaldo é um homem público que certamente em muito contribuiu para o desenvolvimento do município e que diante sua biografia merece o total apoio dos edis para aprovação da proposição, o que certamente será acolhido por vossas excelências.

Em seguida foi realizada a primeira votação com a aprovação por unanimidade dos vereadores.

Além desse Projeto de Lei, foram apresentadas algumas indicações por parte dos vereadores, como manutenção de estradas do interior como costumeiramente são apresentadas todas as sessões.

A vereadora Fernanda Sardanha sempre se queixando que não é atendida pelo prefeito em suas reivindicações e a vereadora Marta Centa também comentou a falta de planejamento por parte do setor de obras da prefeitura e disse que a Rua Antonio Bizinelli já deveria ser concluída para facilitar o acesso a Colônia Iguaçu e Vila Americana.

As vereadoras comentaram também sobre as obras da Vila Amaral que poderia ser melhor com a pavimentação asfáltica, pois já tinha os recursos e foram desviados de forma irregular para outro bairro, por isso falaram que é falta de planejamento.

Dal Lago fez uso da palavra para convidar seus pares para a audiência pública que aconteceria dia 5 de março, no Clube dos Empregados da Petrobras (CEPE), promovido pelo Deputado Emerson Bacil. Ele declarou total apoio ao deputado e disse que tudo que depender dele vai estar sempre junto com o parlamentar.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Alerta da importância da vacina
Sessão solene é realizada em homenagem ao Grupo Jovens Unidos em Cristo (JUC)
Estado recebe documento do Codesamas focando logística e desenvolvimento