Odontologia e Saúde Bucal - Valéria Kruchelski Huk

O açaí e a odontologia

Imagem Ilustrativa

Imagem Ilustrativa

Recentemente estive no Congresso Internacional de Odontologia de São Paulo. Neste congresso temos oportunidade de realizar diversos cursos de atualização, capacitação, além de conhecer as novas tecnologias e produtos que estão chegando no mercado odontológico. É possível também trocar experiências e informações com profissionais da odontologia e é sobre uma dessas conversas que vou escrever hoje.

Enquanto caminhava pelos painéis de trabalhos desenvolvidos por profissionais de diversos estados um chamou minha atenção. Este trabalho, exposto na área de Técnicas de Saúde Bucal (TSB), foi realizado por uma Técnica em Saúde Bucal de uma localidade do Pará. Vou contar um pouco sobre:

A localidade aonde a técnica em saúde bucal atua é em um município ribeirinho no interior do estado do Pará. Para chegar até este local de trabalho os dentistas, técnicos em saúde bucal, enfermeiros, psicólogos, médicos e demais profissionais da área da saúde precisam pegar um barco cedido pela prefeitura para fazer o atendimento à população. Trata-se de uma localidade muito pobre, com pouco saneamento e pouca condição financeira.

Conversamos muito sobre a atuação representativa que ela tem nessa região e também sobre a importância do trabalho que realiza. Em meio a essa conversa ela me contou que por se tratar de uma região muito pobre eles acabam criando métodos alternativos (e por consequência mais baratos) para levar saúde. Um desses métodos é a evidenciação de placa, que nós somos acostumados a ver nos consultórios em formas de pastilhas nas cores roxa e rosa. Como lá o acesso a esses materiais é difícil eles usam a fruta açaí como um revelador de placa. Assim, as crianças comem a fruta e a fruta manchas os dentes nas regiões que precisam de uma melhor escovação, tornando-se um evidenciador de placa natural.

Quero reforçar aqui que o objetivo desta coluna não é questionar a eficiência do açaí como evidenciador, ou comparar o evidenciador dos consultórios com essa técnica. Trago como título de curiosidade e como uma forma de admirar o trabalho dos profissionais, que procuram meios de levar saúde para as regiões mais distantes e precárias.

Finalizo reforçando a minha admiração por esses profissionais. Que sejam exemplos para nós.

Uma semana sorridente para todos vocês!

Últimos posts por Valéria Kruchelski Huk (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
O papel da Odontologia no tratamento do câncer
“Sapinho”: Você já ouviu falar?
Medicamentos Fitoterápicos na Odontologia