Geral

Pais com filhas meninas gastam 30% mais dinheiro do que se tivessem menino

(Imagem ilustrativa)

Uma pesquisa da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros) revelou que as filhas podem dar até 30% mais gastos aos pais do que os meninos. O grande “culpado” por essa disparidade seria o “efeito Cinderela”, já que as meninas acabam tendo mais gastos com cabelos e unhas, roupas, acessórios e itens de beleza.

Segundo o presidente da Abefin, Reinaldo Domingos, o levantamento realizado nos últimos anos com 15 mil pais de crianças entre 7 e 12 anos mostrou que há muito mais opções de produtos voltados ao público feminino, como cadernos e outros itens escolares, por exemplo. Há infinitas opções a mais para as meninas do que para os meninos.

Entre os 9 e 12 anos é o momento em que as pequenas começam a gostar de se arrumar mais, e voltam seus olhares para os produtos de beleza e maquiagens, como xampus, cremes, batons, sombras e perfumes.

Especialistas destacam, inclusive, que muitos destes produtos, como roupas e brinquedos destinados às princesas são mais caros do que os direcionados aos garotos. Apesar disso, é preciso educar as crianças – meninos ou meninas – de forma que não se desenvolva o consumismo desenfreado nelas, o que pode se complicar quando se tornarem adultos.

Fonte: Vix.

Redação do jornal Gazeta Informativa

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Lei aumenta pena para motorista embriagado
CDL realiza reunião para discutir melhorias na área de segurança pública
Diretora do Colégio São Mateus recebe bilhete ameaçador

Os comentários estão fechados