Agricultura

Palestra sobre nota fiscal eletrônica para produtores rurais será realizada nesta quarta (21)

A emissão poderá ser feita em qualquer lugar que possua computador com acesso à internet e impressora. (Imagem Jornal Diário dos Campos)

Os produtores rurais de São Mateus do Sul que fazem operações interestaduais estão sendo alertados pelo departamento do Bloco do Produtor sobre a emissão da Nota Fiscal do Produtor Eletrônica (NFP-e).

Para entender melhor como irá funcionar e quais os passos necessários, será realizada na manhã de quarta-feira (21), com auditores estaduais, uma palestra esclarecendo todas as dúvidas dos agricultores, profissionais da área de contabilidade e demais pessoas que tenham interesse.

De acordo com o Secretário de Agricultura, Hélio Toshio Sakurai, a emissão eletrônica da nota, traz benefícios ao produtor. “A emissão poderá ser feita em qualquer lugar que possua computador com acesso à internet e impressora, evitando que o produtor perca tempo em ir a Prefeitura para retirar notas”, explicou.

A partir de 1º/01/2019 todas as operações interestaduais vendas para outros estados de produtor rural deverão ser realizadas com a Nota Fiscal de Produtor eletrônica – NFP-e, sendo vedada a utilização da Nota Fiscal de Produtor Rural em papel.

Nas operações internas (vendas dentro do Estado), o produtor poderá emitir a NFP-e, se houver interesse, ou permanecer utilizando a nota fiscal em papel.

Serviço

As inscrições para a palestra podem ser realizadas no setor do Bloco do Produtor, na rua Rua Agenor Nascimento, 1020 – Centro, ou no local do evento, no Centro da Juventude, rua João Bettega, 2263 – Vila Buaski.

Informações: (42) 3912-7116.

Fonte: Prefeitura Municipal de São Mateus do Sul

Redação do jornal Gazeta Informativa

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Inseminação artificial aumenta produção leiteira em São Mateus do Sul
Novos produtores de erva-mate estão sendo qualificados para atender as necessidades do Selo da IG em suas propriedades
Prefeitura prepara projeto para viabilizar repasse de alimentos orgânicos para entidades socioassistenciais

Os comentários estão fechados