Cidade

Passeata de empresários marca o 7º dia de paralisação em São Mateus do Sul

Na manhã dessa segunda-feira (28), por volta das 9h30, empresários e a população são-mateuense marcaram presença na paralisação dos caminhoneiros que está acontecendo na BR-476, próximo ao Posto Triângulo.

A paralisação continua, pois a proposta do Presidente Michel Temer na noite de domingo (27), não agradou os manifestantes que continuam persistentes na movimentação, de forma pacífica.

Em seu pronunciamento, Temer propôs  a redução de R$0,46/litro do preço do diesel. Ele também trouxe à tona: a  medida provisória para a isenção da cobrança dos eixos suspensos nas rodovias municipais, estaduais e federais; medida provisória para garantir aos caminhoneiros autônomos – 30% dos fretes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab); e o compromisso com a criação de uma Tabela Mínima para o valor do frete.

Os manifestantes são-mateuenses, reunidos com os empresários do município, apresentaram pela manhã seu descontentamento com os pontos destacados pelo Presidente, e unidos em passeata, caminharam pelas Rua Ulisses Faria e Avenida Ozy Mendonça de Lima como forma de protesto.

Às 15h, mais uma manifestação está sendo planejada, tendo como ponto de partida o trevo próximo ao Posto Triângulo. Dessa vez os agricultores estarão presentes juntamente com os caminhoneiros e empresários em carreata pelo Centro de São Mateus do Sul. “Convidamos todos os cidadão para estarem conosco. Chamem seus familiares, amigos e colegas de trabalho para manifestarem conosco”, destacam os organizadores.

Redação

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Plano Diretor é apresentado para a população são-mateuense
O sabor do Natal nas cozinhas são-mateuenses
Milena Przyvitowski é eleita Rainha do 24º Baile do Pierogi