Arquitetura, Urbanismo e Design

Piso podotátil

Imagem Ilustrativa

Imagem Ilustrativa

O piso podotátil, que significa “sensação através dos pés”, é essencial para garantir a acessibilidade de um determinado local, sendo um elemento muito importante, pois fornece segurança e independência para pessoas com deficiência visual.

O Japão é seu país de origem, onde começou a ser aplicado nas plataformas de trens para indicar o limite de chegada na beira da plataforma, a fim de evitar acidentes, a partir daí começaram as pesquisas e desenvolvimento de normas para serem aplicadas em todo o mundo. No Brasil existe a norma técnica NBR 9050 de acessibilidade desde 2004, que regulamenta o uso do piso tátil.

Piso tátil é caracterizado pela diferenciação de textura em relação ao piso adjacente, destinado a constituir alerta ou linha guia, perceptível por pessoas com deficiência visual, conforme a norma de acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos, NBR 9050.

Muitas cidades já possuem padrões especificados de calçadas a serem seguidos, contendo a indicação correta para colocação do piso tátil.

Esse material é dividido em duas classes: piso tátil de alerta e piso tátil direcionável.

Piso tátil direcionável: Deve ser instalado no sentido do deslocamento, serve para indicar o caminho a ser percorrido. Esse piso é caracterizado pelo relevo em formato de faixas verticais.

Piso tátil de alerta: Deve ser instalado perpendicularmente ao sentido de deslocamento, serve para indicar a presença de um obstáculo, como, rebaixamento de calçada, porta de elevadores, desníveis, plataformas de embarque/desembarque, no início e término de escadas e rampas e etc. Esse piso é caracterizado por seu relevo em formado de moedas, é indicado usar sua textura disposta à 45°, para não confundir com o piso direcionável.

Portanto é fundamental que empresas, comércios, shoppings, residência e etc, regularizem suas calçadas, contendo o piso podotátil, deixando os espaços cada vez mais acessíveis a todos.

Últimos posts por Rafael Ribacz Ramos (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Wood Frame – Construção em perfil de madeira
Parede seca, limpa, econômica e racional – Drywall
Retrofit de edificações