Acervo da família

A professora Fany Maria Portes Guimarães, de 73 anos, faleceu dia 27 de fevereiro, no Hospital do Rocio, em Campo Largo, região metropolitana de Curitiba. Portanto, São Mateus do Sul registra 27 mortes de moradores que foram infectados pela covid-19.

Ela nasceu em São Mateus do Sul e formou-se em Belas Artes. Em 1971, foi transferida pela Secretaria de Estado da Educação para Verê (PR) e foi diretora de escola pública no município.

Depois foi para Francisco Beltrão. Lecionou nos colégios estaduais Mário de Andrade, Dr. Eduardo Virmond Suplicy e Cristo Rei. Foi casada com Antonio Bonato Neto. Ela deixa os filhos Albany, Francisco e Adriany, sete netos e dois bisnetos.

Fany retornou para São Mateus do Sul quando se aposentou, na década de 1990. Ela contraiu Covid-19 no ano passado. No início de fevereiro, teve uma reincidência, testou positivo de novo. Foi transferida do hospital de São Mateus para o Hospital do Rocio, em Campo Largo. A professora teve complicações pulmonares e faleceu sábado, dia 27 de fevereiro.

Segundo a filha Albany, que mora em Lisboa, Portugal, a família só foi comunicada dia 1º de março do falecimento de dona Fany. Devido à doença, não houve velório. Seu corpo foi sepultado no Cemitério de São Miguel da Roseira.

Fonte: Jornal de Beltrão

Redação

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Grupo Karolinka faz prestação de contas da III Mostra do Folclore Polonês
Confira a alteração no expediente de estabelecimentos são-mateuenses por conta da Copa do Mundo
Multas por crimes ambientais somam R$ 2,5 milhões em oito dias