Agricultura

Programa estadual de incentivo para geração de renda no campo é lançado em Antonio Olinto

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Governo do Paraná lançou oficialmente na sexta-feira (4), às 9h30, em Antonio Olinto, uma nova ação do programa Família Paranaense, que alcançará 5.600 famílias até 2019. Trata-se do Renda Agricultor Familiar, benefício que transfere um valor fixo às famílias de baixa renda que vivem na área rural. Serão investidos R$ 14 milhões no projeto coordenado pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, em parceria com a Emater.

O evento de lançamento foi realizado no Salão da Paróquia São José, no centro do município. Estiveram presentes cerca de cem pessoas de famílias já incluídas no Renda Agricultor Familiar, além de representantes das secretarias da Família e Desenvolvimento Social; da Agricultura e Abastecimento e da Emater. Após o lançamento, um técnico da Emater apresentou experiências exitosas da ação com famílias do município de São João do Triunfo.

A secretária Fernanda Richa destaca que esta ação traz melhorias na qualidade de vida das famílias que vivem no campo. “O Renda Agricultor Familiar dá mais condição para que as pessoas que moram no campo e vivem da agricultura possam melhorar de vida. Com o dinheiro que recebem elas podem fazer melhorias em casa, nas plantações, melhorar a situação em que vivem, o que contribui para a emancipação das famílias”, diz Fernanda.

COMO FUNCIONA

O Renda Agricultor Familiar oferece às famílias selecionadas um benefício no valor de R$ 2 mil ou R$ 3 mil, dependendo da renda familiar. O recurso deve ser investido em um projeto pré-definido entre a família e os técnicos da Emater, conforme sua necessidade. Desde a elaboração até a implantação, elas são acompanhadas e orientadas pelo órgão, que também avalia os resultados.

Podem ser desenvolvidos projetos nas seguintes áreas: melhoria da qualidade da água e do saneamento, melhoria da produção de alimentos para o autoconsumo ou para a geração de renda.

EXPANSÃO

A primeira etapa do projeto teve início em novembro do ano passado e beneficiou 49 famílias que vivem em Inácio Martins, Doutor Ulysses e São João do Triunfo. Atualmente, 181 famílias de nove municípios do Estado estão com projetos sendo desenvolvidos pelos técnicos da Emater.

Além de Antônio Olinto também participam Agudos do Sul, Almirante Tamandaré, Arapuã, Bocaiúva do Sul, Campo do Tenente, Cerro Azul, Faxinal, General Carneiro, Grandes Rios, Imbaú, Itaperuçu, Ivaí, Marilândia do Sul, Mauá da Serra, Novo Itacolomi, Ortigueira, Paula Freitas, Piraí do Sul, Piraquara, Porto Vitória, Reserva, Tibagi, Tijucas do Sul, Tunas do Paraná e Ventania.

ANTONIO OLINTO

Com 7.500 habitantes, o município de Antônio Olinto tem 92% da população vivendo na área rural. Até o momento, 42 famílias já estão incluídas no Renda Agricultor Familiar, mas a meta é chegar a 104 beneficiárias.

O técnico da Emater, Régines Gassner, explica que a famílias incluídas no Renda Agricultor Familiar foram selecionadas de acordo com os critérios do benefício. Além de ser acompanhadas pelo Família Paranaense, elas devem viver na área rural, sobreviver da agricultura e ter renda per capita mensal de até R$ 170 por mês.

Segundo ele, a maioria dos projetos aprovados no município é voltada para geração de renda, entre eles a panificação, criação de aves e suínos; plantio de grãos e fabricação de chinelos. “Também há muitos projetos para obras de saneamento, como construção e reforma de banheiros; captação de água; perfuração de poço e ferramentas para hortas, por exemplo”, diz o técnico.

FAMÍLIA PARANAENSE

Lançado em 2012, é o principal programa do Governo do Estado para a superação da pobreza no Paraná. O atendimento às famílias em situação de risco e vulnerabilidade social é feito por meio de ações articuladas de 19 secretarias e órgãos estaduais.

Desde a implantação, 233,5 mil famílias foram atendidas em todos os municípios do Estado. Até junho deste ano, foram investidos R$ 131 milhões em ações como transferência de renda, apoio financeiro aos municípios para o atendimento à população e projetos voltados para crianças e adolescentes.

Com informações da Agência de Notícias do PR

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Orgulho de seu trabalho e muita força para enfrentar os desafios: conheça a realidade das mulheres no campo
São Mateus do Sul comemora a 15ª edição do Dia Nacional do Campo Limpo
Seminário Municipal da Agricultura Orgânica acontece em São Mateus do Sul

Os comentários estão fechados