A Praça 8 de Março trará mais opções de lazer para a população são-mateuense. (Foto: Reflorseg Topografia)

A Praça 8 de Março – conhecida popularmente como “Polacão” – foi a protagonista da Audiência Pública que aconteceu no dia 17 de junho, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal de São Mateus do Sul. A pauta do encontro foi a revitalização da Praça, que tem como objetivo realizar uma série de melhorias visando o conforto das pessoas de todas as idades que utilizam o espaço.

Durante a apresentação do projeto, Geruza Vieira, arquiteta e urbanista da Prefeitura Municipal e responsável pelo projeto, explanou sobre os benefícios que a obra trará para o município, aumentando as opções das atividades de lazer para toda a comunidade. Para a construção do espaço serão utilizados a fonte de recurso do PARANACIDADE e Prefeitura Municipal, com investimento de aproximadamente R$ 608 mil reais. Estiveram presentes na Audiência Pública representantes das secretariais municipais, vereadores, membros de áreas esportivas, instituições de desenvolvimento e a comunidade em geral.

O projeto foi aprovado por unanimidade, e todos os presentes acompanharam e puderam opinar com sugestões e críticas construtivas. De acordo com a secretaria municipal de obras, a Praça 8 de Março possui cerca de 30 mil m², sendo um espaço de uso intensivo da população de diversas faixas etárias, seja para prática esportiva, como para passeios e encontros de famílias e amigos. “O parque atualmente disponibiliza de infraestrutura básica, não atendendo de forma plena a expectativa dos moradores. Alguns espaços estão em mal estado de conservação, há pouca disponibilidade de espaços de estar e iluminação insuficiente”, explana Geruza em sua apresentação.

Toda a equipe realizou um estudo prévio do espaço, observando as metragens e necessidades de reforma. O projeto está sendo planejado há cerca de um ano, e todos os procedimentos que serão realizados precisam estar adaptados à planilha do governo do Estado. “Há demandas como a reforma das pontes e também da ilha do lago que devem ser solicitadas em outro projeto, pois não se encontram inclusos no PARANACIDADE”, explicam. Após a aprovação da revitalização, a Prefeitura Municipal encaminhará todo o projeto para o governo e aguardará liberação para o início do processo licitatório para sua efetivação.

O projeto

Segundo o projeto, todas as calçadas serão reformadas, assim como haverá a construção de novas calçadas e rampas com acessibilidade. Haverá também a aquisição de mais de 60 postes de luz para garantir melhor segurança durante a noite. “Nós pensamos também nas atividades realizadas pelo Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), que poderão utilizar o espaço para atividades de recreação”, enfatiza Geruza.

A acessibilidade também se dará com calçadas de paver e piso tátil seguindo a legislação do município.

A pista de skate passará por mudanças com novas calçadas, bancos e iluminação em sua área. Além da mudança no parquinho, haverá também uma academia multiestação de exercícios, com barra fixa horizontal, duas pranchas abdominais, puxador paralelo, escada horizontal, espaldar de panturrilha, barra paralela, fixa e suspensa. Espaços de lazer junto de mesas, área coberta e espécies de árvores como Ipê, Jacarandá e Azaleia serão anexadas ao projeto.

Instigados sobre a reforma do Ginásio Municipal Olívio Wolff do Amaral, a secretaria de obras informa que a estrutura passará por pintura externa, nas cores azul e branca. A reforma da parte interna como pinturas e melhorias na estrutura não faz parte do projeto para o PARANACIDADE.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Inscrições para o processo de escolha dos membros do Conselho Tutelar de São Mateus do Sul estão abertas
Confira a ordem do desfile cívico do dia 21 de setembro
Onde termina a acessibilidade para deficientes visuais em São Mateus do Sul