Geral

Representantes dos caminhoneiros não confirmam a possível paralisação divulgada nas redes sociais

(Imagem Ilustrativa)

Vários áudios estão circulando no WhatsApp falando de uma nova manifestação dos caminhoneiros, que iniciaria nessa segunda-feira (4), durante a madrugada, e desta vez as estradas seriam bloqueadas totalmente. Porém, os áudios não são de pessoas ligadas a coordenação do movimento, e sim de desconhecidos, pois, segundo fontes dos representantes dos caminhoneiros, não há confirmação de que uma nova greve aconteça.

Durante a greve dos caminhoneiros, Plínio Dias, que é presidente do Sindicato dos Caminhoneiros de São José dos Pinhais e secretário geral da Federação Nacional dos Transportadores  (Fenacam), foi um dos mais incisivos na manutenção do movimento. Agora, no entanto, ele nega uma paralisação para o dia 4. “Todos os movimentos dos caminhoneiros em si não fazem ideia de quem está comandando esta chamada para o dia 4. Podem ser os infiltrados, aproveitando-se da situação. Nós, caminhoneiros, agora vamos para Brasília para ver como ficou o que a gente ganhou, porque saímos do movimento com conquistas”, afirmou Plínio em entrevista à Banda B, na manhã desta quinta-feira.

Os áudios são atribuídos a desconhecidos e não há qualquer confirmação de que uma nova greve aconteça.

A equipe da VVale tentou contato telefônico com a Confederação dos Transportadores autônomos, que luta pelos direitos dos transportadores rodoviários autônomos do Brasil, mas ninguém atendeu. Porém, em seu site oficial, não há nenhuma menção a uma nova paralisação, ao contrário do que aconteceu na semana passada, onde todos os dias era divulgado notas oficiais em relação dando norteamento aos manifestantes.

O Sindicato Caminhoneiros do Paraná (Sindicam Sindicato Caminhoneiros do Paraná) está em recesso por conta do feriado e não houve contato com ninguém responsável. O atendente da portaria apenas afirmou que não há movimentação no Sindicato.

No telefone do Sindicato Dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens do Estado de Santa Catarina não há atendentes. A ligação  cai na secretária eletrônica. No site, não há nenhuma menção sobre uma nova greve.

Fonte: VVale

Redação
Últimos posts por Redação (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Banco Central anuncia que lançará cédula de R$ 200 com imagem de lobo-guará
Exposição na Casa da Memória relembra casamentos de são-mateuenses do século XX
Cães são envenenados na Vila Amaral