Jornal de São Mateus do Sul (PR) e região

Respirando música entre os ervais, morador da comunidade de Espigãozinho desenvolve música demonstrando seu amor pelo município

“Terra do Mate” é como se chama a composição de Tiago Ferreira Athayde e que foi acolhida pelo município nas festividades dos 110 anos. (Foto: Thaís Siqueira/Gazeta Informativa)

Dentre as atividades programadas para a comemoração dos 110 anos de São Mateus do Sul, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC), também recebeu um presente provindo pelo presidente da Associação e Pais, Mestre e Funcionários (APMF), da Escola Municipal Castro Alvez, Tiago Ferreira Athayde, que criou uma música em homenagem ao município que completa mais um aniversário.

Tiago é músico amador desde a infância e tem como hobby a criação de músicas sobre as singularidades de seu dia a dia. É morador do povoado são-mateuense do Espigãozinho, onde cultiva a erva-mate. Em meio a sua lida no campo, compôs a música “Terra do Mate”, e conta que a canção foi feita durante seus momentos de reflexão caminhando pelo erval com a esposa Jerusa Rippler e o filho mais novo, Otto Rippler Athayde.

O agricultor compositor confessa que é apaixonado pelo estado do Paraná e chegou à São Mateus do Sul no ano de 2012, vindo da cidade de Curitiba. Aqui estabeleceu suas raízes e empenhasse na criação de seus filhos e aprofundasse na história do município.

“Frequento a Biblioteca Pública que está situada na rodoviária e a Casa da Memória na praça da Igreja Matriz, onde procuro absorver o máximo de informações a respeito deste município que nos adotou e que possui uma grande relevância na construção do nosso estado paranaense”, menciona Tiago.

Questionado sobre a inspiração que o levou à criação da música, Tiago comenta que foi o resultado de seu encanto por São Mateus do Sul. “Minha inspiração foi, portanto, a somatória de minha vivência diária no sítio com as informações históricas adquiridas nos livros e nas conversas que tive com os munícipes, que assim como eu, nutrem amor por esta terra abençoada que já foi palco de desafios, vitórias e alegrias que atravessaram gerações.”

Segundo o Secretário de Educação e Cultura, Jorge Manfroni, a música está sendo trabalhada em todas as escolas da rede municipal de ensino de São Mateus do Sul. “É uma música que vem abrilhantar a homenagem ao nosso município, mostrando todo o amor e carinho que o compositor tem pela cidade. Queremos despertar nos alunos o sentimento de pertencimento e amor por São Mateus do Sul.”

Terra do Mate

Terra do Mate é São Mateus
O ouro verde aqui foi plantado por Deus
Terra adorada são-mateuense
Braços abertos que abençoa a nossa gente
Quando o imigrante chegou aqui
Trouxe no bolso a esperança e a caridade
Encontrou Caá-yari do Guarani
Erva sagrada que alimenta a amizade
A Erva Mate

Terra do Mate é São Mateus
O ouro verde aqui foi plantado por Deus
Terra adorada são-mateuense
Braços abertos que abençoa a nossa gente
Por onde eu passo sempre vejo os bons ervais
Bem protegidos pela sombra dessa mata
Teu horizonte me transmite tanta paz
Delineando a silhueta da araucária

Terra do Mate é São Mateus
O ouro verde aqui foi plantado por Deus
Terra adorada são-mateuense
Braços abertos que abençoa a nossa gente
Tu tens riquezas de renome nacional
Todo o tesouro é de recurso natural
Seja: Madeira, Agricultora, Mate ou Xisto
Com alegria celebramos tudo isso!

Terra do Mate é São Mateus
O ouro verde aqui foi plantado por Deus
Nobre princesa do Iguaçu
Te amo tanto bela São Mateus do Sul
Te amo tanto bela São Mateus do Sul
Porque eu te adoro como adoro a liberdade
E a ti eu levanto um estandarte em meu coração
E lhe dedico esta canção

Gravação da Música: Rádio Difusora do Xisto

Compartilhe esta reportagem...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this page


Comentários: