A reunião contou com a presença do poder público e privado de São Mateus do Sul. (Foto: Divulgação)

“Esse encontro foi muito importante para o futuro de São Mateus do Sul”, destaca Manoel Cordeiro Junior, presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico de São Mateus do Sul (CodeSamas), que participou na última quinta-feira (7), de uma reunião juntamente com equipes da sociedade civil no gabinete do Prefeito Municipal para debater assuntos pertinentes ao distrito industrial de São Mateus do Sul.

Junior explica que durante o encontro foram propostas medidas para estimular o desenvolvimento das empresas instaladas no distrito industrial, localizado no Jardim Joaquim – próximo à saída para União da Vitória.

Nessa reunião foi anunciada mais uma obra de grande impacto: o investimento em infraestrutura – asfalto, calçadas e ciclovia, de acordo com projeto existente – na área industrial que hoje suporta sedes de empresas do ramo da fumicultura, móveis, velas, olaria, fábrica de torneira, dentre outros. “A obra permitirá que as empresas possam crescer e gerar mais empregos e tributos, além de ser tornar uma importante via de circulação entre a Vila Bom Jesus e o Centro”, explica Junior.

Toda a infraestrutura será construída com recursos a serem obtidos do Governo Federal e irá permitir que as pessoas que fazem o trajeto até o Centro da cidade pela BR-476 – correndo risco de acidentes e atropelamentos – cheguem ao Centro desviando a rodovia pela Rua João Bettega em maior segurança – Rua está que passa pela frente da Microxisto.

“Para atrair mais investimentos e consequentemente mais empregos e renda, é fundamental construirmos atrativos locais”, diz Junior, que destaca as obras da Rua do Mate, pavimentação da PR-364, construção do novo hospital e a Indicação Geográfica (IG) da erva-mate local. “São realidades que irão incrementar ainda mais nossa cidade.”

Com a decisão divulgada pela Petrobras em vender a Unidade de Industrialização do Xisto (SIX), a Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de São Mateus do Sul (ACIASMS), a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação dos Amigos da Erva-mate (IG-Mathe) e o CodeSamas, estão ativamente buscando alternativas para o desenvolvimento do município. “O selo de indicação geográfica São Matheus para nossa erva-mate é fruto da união de empreendedores locais e já é uma realidade de grande sucesso nacional.”

Junior também ressalta que o CodeSamas está fazendo um trabalho forte e organizado para desenvolver o turismo em São Mateus do Sul, como fonte de renda e oportunidades. “É assim, com união entre a sociedade, empresários e poder público que São Mateus do Sul continuará crescendo, sendo o grande protagonista regional.”

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
2º Encontro Regional de Tropeiros em São Mateus do Sul inicia neste domingo
Conheça o albergue de São Mateus do Sul e saiba como colaborar para que ele continue dando assistência para as pessoas necessitadas
Cohapar faz entrega de 25 casas rurais e dá início ao programa de regularização fundiária à são-mateuenses