Geral

Saiba o que mais foi vendido em São Mateus do Sul no Dia dos Namorados

A Gazeta Informativa entrou em contato com lojas de diversos ramos e elas comentaram quais foram as expectativas superadas na data comemorativa. (Foto: Cláudia Burdzinski/Gazeta Informativa)

Reavivando o amor entre casais de todas as idades, o Dia dos Namorados, comemorado no dia 12 de junho, é uma data prestigiada nacionalmente. Sua criação possui uma forte ligação com o comércio e a procura por presentes para agradar o coração da pessoa amada.

Nos Estados Unidos e na Europa, o Dia dos Namorados é conhecido como “Valentine’s Day”, comemorado no dia 14 de fevereiro, fazendo relação com o dia de São Valentim. Mas por que no Brasil foi escolhido o mês de junho?

A ideia de estabelecer a comemoração veio do publicitário João Doria, pai do ex-prefeito de São Paulo João Doria Junior. Dono da agência Standart Propaganda, ele foi contratado pela loja Exposição Clipper com o objetivo de melhorar o resultado das vendas em junho, que sempre eram muito fracas. O dia 12 faz relação à véspera de Santo Antônio, popularmente conhecido por ser o Santo casamenteiro. A ideia se propagou por todo o país.

Nesse intuito comercial, as lojas são-mateuenses se mostraram divididas em relação à procura de presentes em 2018. De acordo com a gerente da loja André Luis Calçados, Patrícia D’Avila Carvalho, a procura em 2018 foi maior que 2017. “Por estarmos em uma época de frio, vendemos muitas botas, coturnos e pantufas”, diz.

Roupas também foram destaques de venda no Dia dos Namorados. Simone Aschidamini, gerente da Leonardo Modas, comenta que os destaques para a venda desse tipo de produto de varejo foram como 2017. “Até mesmo no dia 12 muitas pessoas procuraram a loja”, informa.

Produtos de cuidados e beleza estavam inclusos nas escolhas de presentes entre os casais. Vivian Neves Gonçalves, gerente da revenda do Boticário em São Mateus do Sul, comenta que o estoque da loja foi afetado pela forte procura. “Por conta da paralisação dos caminhoneiros, a loja parou a fábrica por alguns dias e ficamos sem a reposição de alguns produtos vendidos nos catálogos”, diz.

Vivian ressalta que apesar disso, em 2018 a revenda e as lojas do Boticário no município tiveram alta de procura e venda no Dia dos Namorados, principalmente nos estojos de perfumaria.

A Gazeta Informativa também entrou em contato com lojas de acessórios e artigos para presente. Os proprietários afirmaram que a procura desse tipo de produto não superou a venda de 2017, possuindo uma pequena baixa nesse ramo.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Aniversário de São Mateus do Sul contará com diversas atrações em comemoração aos 109 anos
Espetáculo “Paixão de Cristo” estreia no Domingo de Ramos em São Mateus do Sul
Bazar Solidário da APAE terá produtos doados pela Receita Federal