Artigo de Opinião

Santo de casa não faz milagre? Ou santo de casa faz milagre?

Quantas e tantas vezes nos deparamos com essa frase, mesmo que julgada subjetivamente em nossos conceitos. Uma frase que se pluraliza, se adapta e se encaixa às mais diferentes utilidades e inutilidades diariamente. Porém, um de seus principais focos é quanto à questão de não acreditarmos naqueles que como nós, convivem no mesmo local, na mesma cidade, na mesma empresa ou até mesmo seguem o mesmo ramo profissional.

Pergunte-se quantas vezes você não se deparou, minimamente em pensamento, com um cartaz ou publicação sobre uma palestra, por exemplo, e o palestrante é o meu vizinho, ex-colega de turma ou singelamente o conheço de vista e julguei como irrelevante seu conhecimento ou sua ação, devido ao fato de lhe conhecer? Se você for sincero, certamente irá se deparar com uma injustiça. Obviamente a frase vem a calhar nas mais variadas circunstâncias, mas com um único objetivo, não acreditar no potencial!

Muitos julgam que somente o que vem de fora de nossa cidade presta ou é suficientemente bom para suprir nossas necessidades, mas lhes digo em verdade, o potencial de nossa cidade e de nossos cidadãos vai além do que podemos imaginar e podem ter certeza de que resta apenas acreditar e deixar com que estes acreditem em seu potencial e não se deixem desanimar por questões como a de que santo de casa não faz milagre, pois sim, faz e fará.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Não olhe para baixo
Você pode até estar calado, mas seu corpo continua falando
A verdade é que só damos valor quando perdemos