Beleza, simpatia e paixão pelo Coritiba Foot Ball Club (Coxa) não faltam para a são-mateuense Taís Novakowski Sczymanski que foi eleita a Musa do Coxa 2020. Ela foi a primeira mulher fora da capital Curitiba a levar o título e comemora junto da família e dos amigos. Conversamos com a Musa que contou como foi essa experiência única em sua vida!

Equipe GI: Desde quando você atua na área de modelo?

Taís: Na verdade nunca pensei em trabalhar nessa área, mas foram surgindo oportunidades e eu fui aproveitando.

Equipe GI: O que te inspirou a entrar no concurso do Coritiba?

Taís: Meu amor pelo time! No ano passado havia participado e não consegui o título, mas esse ano por incentivo e apoio dos meus amigos e da torcida Coxa Branca, resolvi participar novamente e consegui o título!

Equipe GI: Você já participou de outros concursos? Se sim, quais?

Taís: Sim, já participei! Sendo eles o da Expomate, onde ganhei o título de primeira princesa e também já participei duas vezes no concurso da Musa do Coxa, porém esse ano ganhei o título.

Equipe GI: O que te motivou a continuar novamente no concurso para ser a Musa do Coxa?

Taís: Como nos anos anteriores eu não havia ganhado, meus amigos começaram a me incentivar novamente. Depois de muita insistência resolvi apostar na minha inscrição e não é que deu certo? Agradeço o incentivo dos meus amigos, onde me apoiaram desde a inscrição. Não posso esquecer de mencionar e agradecer toda torcida que também tem me apoiado bastante desde o início.

Equipe GI: Quantas mulheres estavam participando?

Taís: Éramos em 3 finalistas.

Equipe GI: Soubemos que você foi a única mulher de outra cidade que já foi a Musa do Coxa, é verdade?

Taís: Sim, do Coritiba, sim! E estou muito feliz, mesmo sendo de outra cidade sempre procuro estar presente no estádio, e quando não posso acompanho tudo de longe.

Equipe GI: Como foi o concurso?

Taís: Então, a primeira fase foi on-line, onde todo mundo poderia votar na sua candidata preferida. Agora, estamos na segunda fase do concurso, que vai acontecer em Curitiba, dia 10 de abril, com cada musa que está representando seu time, irá disputar agora o Título da Musa do Paranaense 2020.

Equipe GI: O que você sentiu depois do resultado?

Taís: Uma alegria imensa! Poder representar meu time do coração é uma grande honra para mim.

Equipe GI: Quais serão as próximas atividades?

Taís: Agora estou me preparando para a final, que não será apenas contabilizado beleza e simpatia, mas também irá acontecer uma prova de conhecimentos sobre meu amado Coritiba e também sobre futebol em geral.

Equipe GI: Tem algum agradecimento especial que você deseja fazer?

Taís: Quero agradecer, a todos meus amigos que estão sempre comigo, também a torcida Coxa Branca que sempre está me apoiando, incentivando, nunca deixaram eu desistir, foram essenciais para tudo isso! E gostaria de pedir ajuda para quem puder entrar na página do Musas do Paranaense, curtir e compartilhar minha foto, pois isso contratará pontos para a final.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Passeio Ciclístico promovido pela Igreja Batista homenageará o saudoso esportista Chico Pissolatto
Palmeiras do Rio das Pedras é vencedor invicto da Taça Planalto 2018
1ª Copinha Piccinin/Tio Alex Futsal reúne mais de 100 jogadores