Câmara não teve sessão nesta semana por contaminação de servidor com Covid-19.
(Imagem reproduzida a partir de áudio e vídeo cedido para fins jornalísticos pela Câmara de Vereadores)

Após a suspensão da 37ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores de São Mateus do Sul no dia 27 de outubro, nesta semana novamente a reunião do legislativo foi postergada. Um surto com seis funcionários infectados pelo Coronavírus levou à emissão de novo Ato da Mesa de nº 013/2020. Nenhum vereador aparece, inicialmente, entre contaminados com Covid-19.

O presidente da Câmara, Nereu Dal Lago, confirmou a existência de seis servidores com diagnóstico positivo e, por conta disso, em isolamento social. Todos assintomáticos até o fechamento da edição, conforme apuração do GI. Na semana passada a sessão foi mudada para a próxima semana por haver um funcionário com a Covid-19, mas esta reunião também vai ser remarcada à frente.

“Suspende por 14 (quatorze) dias as atividades legislativas realizadas em Plenário da Câmara”, descreve o Ato da Mesa. “Considerando a ocorrência de surto da Covid-19 dentro da Câmara Municipal”, informa o texto da determinação que se baseia na Nota Orientativa n° 40/2020 da secretaria Estadual de Saúde (SESA). A publicação é do dia 3 de novembro e vale até o dia 17 de novembro.

O Ato, levando em cota que o eleitor vai a urna para eleger prefeito, vice-prefeito e vereadores no dia 15 de novembro, coloca novas sessões somente após o pleito. De acordo com a presidência, as reuniões serão remarcadas em novas datas e feitas conforme determina a legislação em vigor. Inclusive a reunião da semana passada que havia sido remarcada para 13 de novembro será realizada posteriormente.

O mesmo ato que suspende por 14 dias as atividades cita a necessidade de “dar ciência aos agentes políticos [vereadores]e servidores da entidade acerca da necessidade de realização do exame Covid-19 na unidade sentinela”. Nereu Dal Lago disse que seu resultado deu negativo e nenhum vereador havia, até esta quinta-feira (05/11), confirmado estar infectado com o Coronavírus.

O estado de saúde dos servidores, segundo a Câmara, é de assintomáticos. Ninguém apresentou sintoma específico, ou teve pioria no quadro clínico que houvesse necessidade de internamento, ao menos por enquanto. Os casos de Covid-19 no legislativo coincidem com o aumento gradual de exames positivos para a doença em São Mateus do Sul, na última semana.

Sidnei Muran

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Um alerta e uma defesa da SIX
Saúde: quais propostas estão no plano de governo dos candidatos?
Deputado estadual Emerson Bacil é diplomado