Atendimento da triagem de casos suspeitos de Covid-19. (Fotos: Hugo Lopes Júnior/Gazeta Informativa)

A Unidade Sentinela que fica localizada ao lado do Pronto Atendimento e que foi recentemente ampliada para receber mais pacientes ganhou, recentemente, uma segunda unidade, como um novo espaço de reforço e está com um novo modelo de atendimento à população.

O novo espaço destina-se ao atendimento aos casos de triagem ou de suspeitos de contaminação pelo Covid-19. Esses, são atendidos agora no Centro de Fisioterapia Municipal, na Rua Barão do Rio Branco esquina com a Rua Luiz Damaso Santos Lima, no horário das 7h às 19h – diariamente. Nesse espaço, é realizado o atendimento dos casos suspeitos, onde os pacientes manifestam sintomas do Covid-19. Os casos são atendidos, passando por exame médico e é indicado que seja realizado o exame comprovando ou descartando a contaminação. Os pacientes recebem todas as orientações de tratamento e, se constatado positivo para o Covid-19, é tratado e permanece em isolamento domiciliar, além de ser monitorado diariamente. Se essa pessoa apresentar alterações, é encaminhada para a Unidade Sentinela ao lado do Pronto Atendimento, onde casos positivos para Covid-19 continuam sendo atendidos.

Unidade Sentinela ao lado do PA atende casos positivos de Covid-19.

A estratégia adotada pela Secretaria de Saúde, com a ampliação da Unidade Sentinela e com a abertura desse novo espaço, é justamente a separação de casos confirmados daqueles que ainda são suspeitos e que, muitas vezes, não se confirmam. Com isso, pretende-se evitar novas contaminações. Também facilita o atendimento em ambos os espaços, além de poder otimizar o que foi ampliado recentemente.

A Unidade Sentinela de atendimento aos casos positivos de Covid-19 passou a ter espaço para internar e atender até 10 pacientes que necessitam de monitoramento, sendo que em dois desses leitos os pacientes em estados mais graves podem ser intubados. O Hospital e Maternidade Dr. Paulo Fortes também possui uma ala isolada para até quatro pacientes com Covid-19.

Novo espaço do Centro de Fisioterapia, na Rua Ulisses Faria, nº 913.

Uma conquista da Secretaria Municipal de Saúde e da Prefeitura foi conseguir, junto ao Governo do Estado, a permissão para que a Unidade Sentinela pudesse realizar as transferências de casos graves para a Central de Leitos do Covid-19. Até recentemente, apenas os pacientes internados no hospital é que podiam entrar na lista de espera para transferência. Dessa forma, os pacientes em estado grave que eram atendidos na Unidade Sentinela não conseguiam entrar na lista diretamente, precisando esperar vaga no hospital para depois tentarem uma transferência. Agora, aqueles que ficam em observação da Unidade Sentinela, quando necessitarem de transferência, entrarão diretamente na lista da Central de Leitos.

Centro de Fisioterapia

O Centro de Fisioterapia que cedeu espaço para unidade de atendimento e triagem dos casos suspeitos de Covid-19, passou a atender na rua Ulisses Faria, 913. Ao lado do Banco Cresol, em espaço cedido sem ônus pela família Cordeiro por um período de seis meses.

Dessa forma, os atendimentos de fisioterapia continuam acontecendo normalmente, com os mesmos horários e equipamentos, pelos mesmos profissionais, apenas em um novo espaço temporário.

Hugo Lopes Júnior
Últimos posts por Hugo Lopes Júnior (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Município de São Mateus do Sul moderniza cadastro de vacinas
Por enquanto São Mateus do Sul não efetivará compra da vacina
Município de Antonio Olinto registra primeira morte por Covid-19 no ano de 2020