Volta às aulas na Escola Municipal Pedro Effco. (Fotos: Cláudia Burdzinski/Gazeta Informativa)

Sabe aquela empolgação de escrever a primeira palavra no caderno novo ou usar o lápis de cor pela primeira vez? Foi esse sentimento que grande parte das crianças e adolescentes são-mateuenses tiveram no início do ano letivo nas escolas municipais e estaduais de São Mateus do Sul, que iniciaram as aulas na quarta-feira (5).

Liciane Kuczera Drabeski é mãe de Leonardo de 11 anos e de Gustavo de 7. O filho mais velho iniciou a primeira experiência no Colégio Estadual Duque de Caxias, onde pôde conhecer novas salas de aula, amigos e professores. Já Gustavo, continuou o ensino fundamental I na Escola Municipal Pedro Effco. “O coração de mãe sempre fica apertado quando o filho fica longe. Ficamos apreensivas sobre o comportamento deles na escola, se vão passar por algum problema e vão saber resolver sozinhos”, diz.

Para a são-mateuense, o ensino público melhorou nos últimos anos. “Admiro o jeito como o aluno é tratado de igual para igual, sem ter preferências”, expressa. A mãe parabeniza a entrega de materiais e uniformes para todos os alunos. “Faz uma diferença enorme, nenhum aluno se sente inferior a outro.”

Uma alternativa de economia que muitos pais aderiram em 2020 foi a reutilização de alguns materiais escolares que não foram usados em sua totalidade nos anos anteriores, como lápis de cor e cadernos.

De acordo com a Agência Estadual de Notícias, a primeira grande ação pedagógica do ano letivo de 2020 será a Prova Paraná, que acontece no dia 18 de fevereiro em todas as escolas da rede estadual e também nas escolas das redes municipais que optaram pela adesão ao programa.

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
Jorge Amado é tema de evento literário que reuniu dezenas de jovens envoltos pela obra Capitães da Areia
Grupo de Dança do Centro da Juventude conquista premiações em festivais regionais de renome em Santa Catarina
Braspol desenvolve palestras para alunos das escolas municipais de São Mateus do Sul