Queridos leitores, é com o coração apertado e com lágrimas nos olhos, que escrevo este texto. Para aqueles que me conhecem um pouco, sabem da minha dedicação e gosto pela história do município, em todos os seus aspectos, com certeza, irão me entender. Tomar decisões, fazer escolhas, nem sempre é uma tarefa fácil, não é mesmo? Em 2019, eu aceitei com muito entusiasmo, o convite e o desafio, para escrever para este jornal, que só me trouxe alegrias, do qual eu sinto muito orgulho.

O objetivo da minha coluna, sempre foi o de enaltecer a história do município, principalmente através das fotografias antigas, que confesso, são a minha grande paixão! Pois bem, o tempo passou e eu sempre busquei a melhor maneira, através da escrita, para falar destes dois assuntos, história de São Mateus do Sul e fotografia antiga, em minha coluna “Um olhar para o passado”. Reconheço que muitas vezes, foi um sofrimento finalizar um texto, pois escrever é uma arte, que exige dedicação, prática, aprendizado, conhecimento, autocrítica, criatividade, mas também é muito prazerosa. A dor e a delícia de escrever um texto!

Este ano (2021), porém, aconteceu uma coisa muito boa na minha vida, que foi meu ingresso no Mestrado em História, da Universidade Estadual do Centro Oeste- UNICENTRO. Conciliar trabalho e estudo, têm muitas dificuldades, mesmo assim, eu continuo desenvolvendo meu trabalho e estudos de maneira responsável e comprometida, da melhor forma possível. Por isso, infelizmente, para não prejudicar a qualidade dos meus textos para este jornal, e em respeito aos leitores da minha coluna, tomei a decisão (difícil) de me afastar por um certo período.

Com certeza, continuarei pesquisando sobre a história do município, pois estou atuando na Casa da Memória Padre Bauer e tenho orgulho em dizer que o tema da minha pesquisa de mestrado é sobre São Mateus do Sul, no início do século XX. Inclusive, uma das disciplinas que estou cursando, chama-se História e Fotografia, uma feliz coincidência, não é? Com esta informação, vocês já podem imaginar o meu entusiasmo por esta nova etapa de aprendizado profissional e pessoal. Portanto, muitas informações históricas preciosas, talvez inéditas, vão chegar até vocês. Mesmo assim, eu vou sentir saudades…

Agradeço a jornalista Thaís, pela oportunidade em me ceder um espaço no seu jornal por quase três anos, pois foi graças a esta iniciativa, que escrevi um livro sobre este tema. Muito obrigada a equipe Gazeta Informativa (principalmente ao Felipe, que foi meu aluno), que sempre me apoiaram. Pessoas especiais também foram fundamentais para esta primeira experiência como colunista, guardo-as no coração. Peço desculpas por algum equívoco (histórico ou não), que por ventura possa ter cometido. Penso também, que às vezes é preciso tomar distância para analisar, refletir e retornar, com mais qualidade para nosso trabalho. Não quero me despedir, quero apenas dizer, até breve! Deixo para esta edição, uma fotografia antiga, para aqueles, que como eu, se encantam com o passado são-mateuense, através das imagens. Um abraço carinhoso!

Professora Hilda
São Mateus do Sul, 06 de outubro de 2021

Últimos posts por Hilda Jocele Digner (exibir todos)

Comentários

Compartilhe:


MATÉRIAS RELACIONADAS
IGREJA CENTENÁRIA DA ÁGUA BRANCA
Casamento, Mulheres e Enxovais
A foto das fotografias