Jornal de São Mateus do Sul (PR) e região

ZPiT Politechniki Warszawskiej: conheça o conjunto que divide palco com o Grupo Karolinka na III Mostra de Folclore Polonês

Fundado em 1951, grupo folclórico da Polônia já visitou quatro continentes e 28 países. (Foto: Divulgação/ZPiT PW)

Os grupos de folclore da Polônia são mundialmente conhecidos por sua qualidade e excelência nas apresentações, seja com coreografias de dança, com a orquestra e vários instrumentos, seja com o canto folclórico preciso e afinado. Com o Conjunto de Canto e Dança da Universidade Politécnica de Varsóvia (tradução para Zespół Pieśni i Tańca Politechniki Warszawskiej – ZPiT PW) não é diferente.

Fundado em 1951, o conjunto é formado por alunos da universidade que, por meio do canto e da dança, já conquistaram milhares de corações ao redor do mundo. Isso porque o grupo já se apresentou na América do Sul e do Norte, na África, na Ásia e na Europa – a Oceania é o único continente que falta visitar.

Esta é a segunda turnê que o grupo realiza pelo Brasil. Em 2011, quando completou 60 anos, o conjunto representou a Polônia nas cidades de Recife (PE), Erechim (RS), São Paulo (SP), Quedas do Iguaçu, Campo Largo e Curitiba. Em 2018, o grupo revisita algumas cidades, como Erechim, Curitiba e São Paulo, e expande suas apresentações para outras, como Guarapuava, Foz do Iguaçu, Chapecó (SC), Entre Rios do Sul (RS), Áurea (RS), Mallet, São Bento do Sul (SC), Rio de Janeiro (RJ) e São Mateus do Sul, que recebe o grupo na sexta-feira para a apresentação no sábado, dia 14.

Os artistas que integram o ZPiT Politechniki Warszawskiej são profissionais de alta classe. Todo ano, o grupo atrai jovens para o seu corpo de canto e dança para aprender e compartilhar com a equipe suas habilidades artísticas, a juventude e o entusiasmo, o que faz com que o conjunto esteja sempre em renovação. Assim como o Grupo Karolinka em São Mateus do Sul, o ZPiT PW forma uma comunidade que, conforme o grupo, já resultou em mais de 140 casamentos em seus 67 anos de história.

Um dos grandes momentos da história do grupo na Polônia aconteceu em 2011. Ao completar o sexagésimo aniversário, o ZPiT PW ofereceu um Concerto de Gala na Ópera Nacional de Varsóvia (Teatr Wielki), teatro construído no século 19 e completamente destruído pelos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial – como praticamente toda a cidade.

O grupo é dirigido por Janusz Chojecki. O coreógrafo de renome internacional já trabalhou por dois anos no Brasil com o grupo folclórico Jupem, de Erechim. Também atuou como coreógrafo em pelo menos outros 10 grupos de vários países – Suíça, França, Lituânia, Estados Unidos –, dentre eles o Karolinka, de Londres (ING). Chojecki já atuou, também, como diretor do Festival Mundial de Bandas de Folclore Polonês de Rzeszów, evento que o Grupo Karolinka de São Mateus do Sul deve participar em 2019, no sudoeste da Polônia.

Como será a passagem do grupo pela cidade

Na III Mostra de Folclore Polonês, o conjunto se apresenta em dois grupos de oito pares de dança e canto. Conta também com uma orquestra composta por 10 pessoas. Para as apresentações internacionais, o Politechniki Warszawskiej se apresenta com 40 a 55 pessoas em seu elenco.

A vinda do grupo folclórico de Varsóvia movimenta, também, as famílias que receberão os integrantes na cidade. Assim como acontece em outros destinos dos poloneses, os jovens são distribuídos entre famílias voluntárias que colaboram com o Grupo Karolinka na organização da III Mostra de Folclore Polonês. A colaboração acontece com o apoio do Rotary Club Xisto do Iguaçu, do Rotary Club São Mateus do Sul e da Escola de Idiomas New Winners.

A III Mostra de Folclore Polonês é uma realização do Grupo Folclórico Polonês Karolinka, com o patrocínio da Copel e do Governo do Paraná, apoio da Levante Comunicação, da Gazeta Informativa e da Prefeitura Municipal de São Mateus do Sul. Os ingressos estão à venda com integrantes do grupo, na Loja São Mateus e no Escritório da Paróquia São Mateus. O valor individual é R$ 15 e os ingressos são limitados.

Compartilhe esta reportagem...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Print this page


Comentários: